Professores ganham homenagem no Como Será? deste sábado

Publicado há 3 anos
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Como Será? deste sábado, dia 14, presta homenagem aos professores. Na véspera do dia deles, Michelle Loreto – que substitui Sandra Annenberg na apresentação do programa – recebe no estúdio a professora Gina Vieira. Com uma história inspiradora desde a infância – aos 7 anos perceberam na escola que ela ainda não sabia ler – Gina criou o projeto Mulheres Inspiradoras, que visa valorizar o papel da mulher na sociedade.

Leia também: Belaventura não sustenta os bons índices das “escravas” antecessoras

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No quadro ‘Hoje é dia de…’, Alexandre Henderson acompanha a rotina de Cláudia, Maristela, Fábio e Márcia, quatro professores com estilos bem diferentes e que lecionam em segmentos distintos. O repórter passa um dia como assistente de Claudia, que desenvolveu um sarau de quadrinhos populares para ensinar Língua Portuguesa para crianças. Maristela conta sua relação de amor pela Biologia, disciplina que ela ensina para 450 anos adolescentes e Fábio explica como usa a criatividade para ensinar Química para suas turmas de mais de 100 alunos de cursinhos preparatórios. Por fim, Alexandre apresenta Márcia e sua dedicada missão de alfabetizar adultos de sua comunidade.

O ‘Toque de Mestre’ traz mais uma história inspiradora para comemorar o Dia do Professor. Em Manaus, uma professora usa rótulos e embalagens de alimentos para ensinar português, ciências e matemática. Com a proposta de trabalhar conceitos das disciplinas e valorizar uma alimentação saudável, eles começaram a juntar rótulos e embalagens para produzir jogos, competições e atividades de leitura.

No quadro ‘Choque Ambiental’, Renato Cunha visita uma empresa de tecnologia com dificuldades para descartar corretamente o lixo eletrônico. O local também registra altos gastos de energia e geração de lixo. Após conversar com os consultores, a empresa ganha sensores de presença nos banheiros e canecas em substituição a copos de plástico, além de funcionários com maior consciência ambiental.

Marianne Salerno apresenta o projeto Bem Gasto, de educação financeira. Nele, as pessoas aprendem como é possível quitar dívidas, se reorganizar financeiramente e usar o dinheiro para realizar sonhos. A repórter conversa com Sudária Bertolino, responsável por angariar fundos para uma ONG, mas que não sabe cuidar do seu próprio dinheiro. Sua vida começou a mudar após as aulas do projeto Bem Gasto, onde recebeu dicas práticas para administrar melhor seu dinheiro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais