“Preferia que Arthur Aguiar tivesse me traído com um homem”, diz Mayra Cardi

Ela gostaria que o marido fosse 'passivo' na experiência

Publicado há um mês
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A coach e influenciadora digital Mayra Cardi foi a convidada desta quinta-feira (17) do programa The Noite. Em bate-papo com o apresentador Danilo Gentili, ela falou sobre sua polêmica separação do ator Arthur Aguiar e sobre as traições que sofreu da parte do ex-companheiro.

Eu não sabia das traições durante o casamento. Nunca pensei em matar [Arthur] no sentido literal, mas queria catar a cabeça dele e dar uma esfolada no asfalto, não vou mentir. Queria. É a dor de uma mulher extremamente traída“, relatou, sobre como reagiu às ‘puladas de cerca’ do artista.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Mayra revelou ainda ter recebido as provas das traições da parte de uma amiga, cujo nome se recusou a revelar. “Não posso falar o nome, porque ela é famosa. Mas, se não fosse ela, eu não tinha me separado… Ele nem sabe até hoje quem foi e ninguém vai saber“, afirmou.

Ao analisar a situação por que passou, Cardi afirmou acreditar que seu sofrimento seria menor se Arthur tivesse se envolvido com um homem. “Eu preferia que [o amante] fosse do mesmo sexo que ele. Sem dúvida! Porque entenderia que não tenho como competir. Doi igual, mas doi menos“, filosofou.

Questionada por Gentili, sempre irreverente, se preferia que Arthur tivesse sido passivo ou ativo para seu ‘amante hipotético’ do sexo masculino, Mayra respondeu com o mesmo bom humor. “Passivo, porque aí realmente eu não poderia ‘ajudar’“, concluiu, entre risos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais