Portal do Grupo Globo passa por mudanças no visual e tecnologia

Os internautas perceberam as alterações nesta sexta-feira

Publicado em 13/8/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta sexta-feira (13), a homepage da Globo.com, portal do Grupo Globo, passou por mudanças. Além da transformação no visual, a tecnologia por trás da página agora acelera a distribuição de conteúdo, alavancando a agilidade.

Novas opções para o mercado anunciante e previsão de novos formatos de distribuição de conteúdo ainda para este ano fazem parte desta renovação. Thaísa Coelho, head do produto, falou sobre as novidades na plataforma.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“O fato de termos usuários muito engajados e alta taxa de logagem permite que a gente conheça muito bem nosso público. Esse conhecimento embasa as evoluções de experiência e nos dá conforto para construir um produto cada vez melhor. Além disso, torna essa vitrine cada vez mais eficiente na missão de suportar as estratégias de negócios de todos os produtos digitais do grupo – seja com distribuição de conteúdo ou de serviços, com ofertas D2C”, apontou a profissional.

Oferecer um panorama ainda melhor – dentro de toda a variedade de temas – é o que norteia uma das mudanças mais evidentes na nova experiência da página: as cores das verticais de conteúdo, tradicional marca da globo.com, estão dispostas de um novo jeito. Continuam organizando o feed, indicando de forma clara o que é jornalismo, o que é esporte, o que é entretenimento, mas com uma nova abordagem.

“Fazemos isso de uma forma mais fluida e confortável, numa solução desenhada com base no feedback dos próprios usuários. Você continua batendo o olho e percebendo rapidamente o que é cada assunto, mas consegue, numa mesma tela, ter uma quantidade de temas ainda maior, só que de forma mais organizada. Num mundo em que recebemos um volume absurdo de informações pulverizadas, não basta fazer uma excelente curadoria, é preciso que a navegação seja cada vez mais intuitiva e prática – e é por isso que investimos constantemente em evoluções para o produto”, destaca Thaísa.     

No celular, os elementos de interação com a página estão mais intuitivos, e o feed amplia tanto a distribuição de conteúdos de maior imersão, como vídeos, quanto aqueles para consumo mais rápido, como stories.

“A mudança permite que cada pessoa acesse o que quiser, da forma como quiser, na hora em que quiser. Nossos usuários já voltam em vários momentos do dia. O que fazemos agora é tornar a página ainda mais conveniente, entregando, na palma da mão, a melhor curadoria e a melhor forma de ofertar cada conteúdo”, explica Coelho.     

Todo esse movimento foi planejado a partir da escuta dos consumidores, que relataram suas experiências, trouxeram novos insights e ajudaram a globo.com a mudar e ser ainda melhor. Em média, são realizadas 287 milhões de visitas mensais, segundo a Comscore (2020) – o maior alcance entre todas as homepages do segmento de agregadores de conteúdo do país.

E cada visita gera um volume ainda maior de cliques. “Os usuários da home globo.com estão entre os mais engajados no nosso ecossistema digital: eles são frequentes, eles se engajam com o conteúdo, clicam várias vezes por dia, scrollam a página inteira e têm uma relação forte com a marca, pois chegam por tráfego direto, de forma espontânea” afirma Thaísa. “E os mesmos usuários se engajam com os mais variados temas. Isso mostra o reconhecimento de um outro valor da página: a diversidade de assuntos”, complementa.       

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio