Patrícia Poeta opina sobre ‘vândalos’ no meio de manifestações após morte de homem negro e é detonada

A apresentadora disse que vândalos não podem se infiltrar em protestos dignos

Publicado há 4 dias
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na edição do É de Casa deste sábado (21), Patrícia Poeta resolveu opinar sobre os protestos que aconteceram após a morte de João Alberto Silveira Freitas, homem negro de 40 anos que foi espancado por dois seguranças de um supermercado. Alguns estabelecimentos da empresa foram quebrados e incendiados.

“A gente quer união e paz. Tenho falado muito com as pessoas do sul. Houve protestos democráticos. Os protestos são muito bem-vindos. Acho isso realmente lindo. A gente não pode deixar vândalos se infiltrarem nesses protestos dignos e esvaziarem a causa”, declarou a apresentadora.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Soube que as pessoas que estavam democraticamente protestando acabaram saindo porque vândalos se infiltraram e começaram a atirar pedras em policiais negros. Isso acaba esvaziando o que era a causa”, seguiu a comunicadora.  

“A gente tem que mostrar, denunciar, acompanhar, mas não deixar que isso vire uma guerra. Aí estamos aumentando a intolerância. A gente quer inclusão”, concluiu Patrícia. Nas redes sociais, a declaração foi criticada.

Veja:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais