Para dar orgulho ao pai, Guilherme marca Genésio com ferro quente: “Tenho que dar o exemplo”

A fim de ganhar respeito, o político deixa a amizade com o escravo de lado

Publicado há um mês
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Candidato à Câmera Municipal, Guilherme (Roger Gobeth), filho mais velho do coronel Quintiliano (Luis Guilherme), tem aprendido direitinho a lição de casa com o pai. Nos próximos capítulos de Escrava Mãe, a frieza toma conta da alma do rapaz e ele marca a pele de Genésio (Rogério Brito) com ferro quente após o escravo fujão ser capturado.

No entanto, nem a dor insuportável da carne castigada será tão grande quanto a surpresa do escravo com a atitude de Guilherme, uma vez que eles cresceram e foram criados juntos.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Misericórdia, é tudo que eu peço. Crescemos juntos nessa fazenda. Sempre fomos amigos. Não precisa me marcar desse jeito não. Eu fugi por causa do feitor. Ele me obrigou a brigar na zona de aposta“, se justifica o escravo, desesperado.

Mas Guilherme é outra pessoa. Tomado pela ganância de assumir os negócios políticos de seu pai, ele dá a palavra a fim de mostrar pulso firme. “Você deve ter ganhado algum dinheiro com isso também“, questiona ele ao homem. “O que eu ganhei foi pouco. Eu gastei para poder comer. Pode acreditar ‘sinhozinho‘”, explica Genésio, se contorcendo nas correntes.

E continuou: “E o senhor seu pai nunca quis me dar o preço da liberdade“, diz ele, com os olhos marejados. A resposta de Guilherme é destrutível. “Aprenda uma coisa Genésio. Você nunca vai ser livre. Nunca! Isso é um direito que cabe a meu pai querer ou não se desfazer de um escravo”, diz ele, surpreendendo ainda mais Genésio.

Não faz isso comigo, por favor. Eu se que o coração do sinhozinho é bom“, implora Genésio olhando com medo para a lança de ferro fervendo. Guilherme é irônico.

Genésio é marcado com ferro quente por Guilherme (Reprodução: Record TV)

É bom e justo. Não pense que eu faço isso por prazer ou pra me divertir, Genésio. Eu faço porque o exemplo precisa ser dado. Se eu não te marcar os outros escravos podem pensar que fuga não tem castigo e isso não é justo. Eu detesto injustiça“. Guilherme então acentua o ferro quente nas costas de Genésio e ele grita como se a alma estivesse saindo de seu corpo. Quintiliano, à espreita, assiste o filho com orgulho.

Mais Informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos de Escrava Mãe.

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio