Pandemia impulsiona redução de 26% no público da TV paga

Ao mesmo tempo, plataforma de streaming registrou crescimento

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Crise econômica, pacotes caros, atendimento ruim, desemprego, aumento da pirataria e a popularização de concorrentes mais baratos, como os serviços de streaming e a internet, são alguns dos fatores que contribuíram para a perda de público da TV paga.

Segundo consolidados de audiência da Kantar Ibope Media, que comparou as médias de março de 2020 com março de 2021, a TV por assinatura perdeu 26% de share.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Isso significa que 26% dos assinantes optaram por fazer outras coisas. Na comparação anual, os únicos canais que obtiveram perda parecida foram o SBT e a RedeTV!, com redução de 24%. As informações são do colunista do UOL, Ricardo Feltrin.

Ao mesmo tempo, o consumo de serviços pagos nas plataformas de streaming cresceu 11%, se comparado com 2020. A partir deste ano serão medidas pela Kantar Ibope o ranking de cada serviço de streaming. Dessa forma, o público saberá quais são as plataformas mais vistas, como Netflix, Globoplay, Amazon etc.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio