Orgulho e Paixão: Susana convence Xavier a não matá-la

Publicado há 2 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Orgulho e Paixão, na Globo, Xavier (Ricardo Tozzi) recebeu a missão de assassinar Susana (Alessandra Negrini) e Elisabeta (Nathalia Dill). A ordem partiu de Lady Margareth (Natália do Vale), que quer se livrar de ambas. Mas a vilã vai destilar sua lábia para convencer o mau-caráter a não matá-la, e dará certo. Confira.

“Meu fim? A Lady Caspenta botou minha cabeça a prêmio? Está falando isso pra me assustar? Se fosse verdade… como um João ninguém como você saberia disso?”, questionará Susana a Xavier. “Por que foi ao João Ninguém que ela encomendou a sua morte!”, responderá o vilão. “Que história é essa? Você não está realmente pensando em fazer nada contra mim, está?”, perguntará ela, já preocupada.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Luccino convence Otávio a ficar no Vale do Café, em Orgulho e Paixão, na Globo

“Não sei… você me trata tão mal… não vou sentir falta nenhuma das suas patadas”, responderá Xavier. “Então, é isso, está magoadinho? Não fique, só o trato mal porque sei que você gosta. Ou é ciúme porque quis me casar com outro? Um crime passional, que romântico! Não sabia que eu lhe inspirava tanta paixão, mas já que é assim… Não vai ter coragem de acabar comigo, não é?”.

Susana beija Xavier

“Eu, apaixonado por você? Está muito cheia de si, vê lá se eu teria… sentimentos por uma mulher desfrutável”, falará desconcertado. “É o que acha, que sou desfrutável? Então, por que não desfruta de mim aqui e agora?”, indagará. Na sequência, ela beijará ele, apaixonadamente. “Isso não vai mudar nada”, rebaterá ele.

“E se eu tiver um trunfo contra Lady Margareth, muda? Algo que a deixe aqui, na palma da minha mão, a meu serviço e a serviço dos meus… aliados? Já imaginou nunca mais ouvir ordens daquela inglesa empertigada? Obrigá-la a fazer tudo que quer, em vez do contrário?”. “Um trunfo… É sempre uma pena desperdiçar. Você não está blefando, está?”. “Nem um pouco. Mas só vou poder usá-lo se estiver viva. Aliás, há muito que posso fazer por você.. desde que esteja respirando”, concluirá a vilã.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio