Orgulho e Paixão: Julieta denuncia Xavier por ferir Darcy

Publicado há 2 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Orgulho e Paixão, na Globo, Julieta (Gabriela Duarte) e Aurélio (Marcelo Faria) decidiram levar Tião (Herton Gustavo) à delegacia para que ele conte tudo que sabe. O empregado presenciou uma conversa de Margareth (Natália do Vale) com Xavier (Ricardo Tozzi) para matar Elisabeta (Nathalia Dill). O plano, porém, deu errado e Darcy (Thiago Lacerda) acabou ferido. Confira.

“Não foi Brandão que atirou contra Elisabeta, delegado. Alguém se fez passar pelo Motoqueiro pra cometer o crime. E nós sabemos quem foi”, falará Aurélio ao delegado. “Eu ouvi Lady Margareth encomendando a morte de Elisabeta Benedito… ao senhor Xavier”, revelará Tião. Neste momento, Xavier chegará. “Eu repudio essa acusação! E desafio qualquer um aqui a provar o contrário! A Rainha do Café está me acusando por vingança… porque Lady Margareth Williamson rompeu a sociedade que tinha com ela para se aliar a mim”, argumentará.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Beto avalia impacto junto aos fãs, depois de mentira revelada, em Segundo Sol, na Globo

“A sociedade foi desfeita por iniciativa minha. De todo modo, nunca faria uma acusação falsa pra vencer nos negócios. Esse é o senhor”, rebaterá Julieta. “Exijo que o senhor seja substituído, delegado! Todos sabem que foi lotado no Vale por influência de Julieta!”, dirá o vilão. “Porque é um bom policial, justo e competente. Ao contrário do corrupto que comandava a polícia local quando cheguei!”, avaliará a mãe de Camilo.

Delegado pede paciência para investigar

“Vamos nos acalmar. Dona Julieta, Xavier estava ao lado de Elisabeta quando o atentado aconteceu. Há inúmeras testemunhas”, dirá o delegado. “Devia se informar melhor antes de sair acusando pessoas de bem”, provocará. “Ora, Xavier, ninguém aqui é tolo, você pode muito bem ter mandado um dos seus capangas executarem o serviço”, afirmará Aurélio. “Senhores, por favor. Tudo será devidamente investigado. Por ora, vou colher depoimentos”, concluirá Baltazar.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio