Orgulho e Paixão: Ema decide lutar por amor e tenta impedir que Jorge e Amália se casem

Publicado há 2 anos
Por Gabriel Vaquer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de Orgulho e Paixão, a jovem Ema (Agatha Moreira) vai tentar impedir que o seu grande amor, o educado Jorge (Murilo Rosa) tente casar com Amália (Letícia Persiles).

Em cenas previstas para irem ao ar nesta quarta-feira (29), Ema corre para impedir o casamento de ambos, que já está começando. A Igreja está lotada e o Padre começa a falar as palavras mágicas que sacramentam o matrimônio.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja mais: Orgulho e Paixão: Elisabeta tenta entregar livros para Cecília em clínica, mas é expulsa

“Amélia, é de livre e espontânea vontade que recebes Jorge por teu esposo?”, argumenta o Padre. A jovem consente e se emociona ao falar do casamento do homem que sempre amou muito.

“Sim. E prometo ser fiel, amá-lo e respeitá-lo, na alegria e na tristeza…”, embarga Amélia, que continua falando, quase chorando. “Na saúde e na doença, por todos os dias da minha vida…”, completou.

O padre, então, continua a fala e faz a pergunta derradeira para Jorge: “Jorge, é de livre e espontânea vontade que recebes Amélia por tua esposa?”. Se ele dizer sim, ele vai casar e sairá da vida de Ema de vez.

Curiosamente, Jorge pensa na amada quando pensa na afirmativa ou na negativa do casamento. Então, ele vê Ema entrando pela porta da Igreja e reage. “Ema?”, berra o mocinho. O destino dos dois será definido naquele momento.

Veja também

Orgulho e Paixão: Elisabeta decide responder carta humilhante de Darcy e termina romance com ele

Orgulho e Paixão vai ao ar diariamente, depois do Jornal Nacional.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio