Orgulho e Paixão: Edmundo descobre as reais intenções de Josephine

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Orgulho e Paixão, na Globo, Uirapuru (Bruno Gissoni) continua causando estragos na vida de Josephine (Christine Fernandes). Depois de contar a todos sobre o caso dela com Brandão (Malvino Salvador), ele fará com que Edmundo (Nando Rodrigues) saiba toda a verdade. O poeta terá uma conversa reveladora com a vilã e o rapaz ouvirá tudo e ficará revoltado. Confira.

“Você e esse verme combinaram tudo… Foi um golpe, desde o começo. Você só voltou porque queria a casa, as propriedades do meu pai!”, afirmará Edmundo. “Meu filho, não é o que está pensando! Foi uma emboscada! Seu pai deve ter pago a esse sujeito pra me atrair e extrair de mim frases comprometedoras…”, reagirá Josephine. “Chega! Para de mentir! Não aguento mais ouvir suas desculpas, argumentos! Você só sabe fazer isso, mentir!”. “Meu amor por você… por vocês… não é mentira!”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Edmundo conta a Fani que conseguiu emprego, em Orgulho e Paixão, na Globo

“Que amor é esse que desaparece por dez anos? Deixa todos sofrendo, acreditando que está morta!”, rebaterá ele. “Já expliquei, pedi ao Brandão que contasse…”. “Isso também é mentira, não é? E a história de que foi seduzida…”. “Josephine, seduzida? Essa é boa…”, comentará Uirapuru, debochado.

Fani fica contra Josephine

“Cala a boca, imbecil!”, ordenará Edmundo, que se virará para Josephine de novo: “Não acredito mais numa palavra do que diz… Nem mesmo sobre meu pai, sobre ele ter negado ajuda no lago”. “Juro por Deus! Foi exatamente o que aconteceu! Fani, minha Fani, minha filhinha do coração, minha escolhida… Você é mulher, viveu esses anos todos sob o jugo de Tibúrcio. Diga a Edmundo que o pai dele é um tirano”, pedirá.

“O Almirante é o pior tipo de homem que há. E a senhora… o pior tipo de mulher”, falará Fani, causando surpresa. “Fani, o que está dizendo?”. “Uma mulher de verdade se fortalece diante da injustiça. A senhora preferiu o outro caminho: a dissimulação!”. “Vocês vão me expulsar da mansão? Não tenho pra onde ir…”.

“Fique lá, se é o que mais quer na vida. Aquela casa é deprimente, combina com você como a mão e a luva. Quem vai sair sou eu. E Fani vem comigo”, falará Edmundo e sairá. “Não fique assim, pelo menos conseguiu a casa”, debochará Uirapuru. Na sequência, Josephine dará um tapa na cara dele e sairá chorando.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio