Organização feminista pede retratação de Faustão por frase polêmica

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Rede Mulher e Mídia divulgou uma nota na quinta-feira (09) repudiando a declaração do apresentador Fausto Silva durante o Domingão do Faustão do último domingo (6). Na ocasião, o artista disse que “existe mulher que gosta de homem que dá porrada”. A frase gerou polêmica nas redes sociais.

“Faustão presta um desserviço à sociedade brasileira, ao respaldar a escalada da violência sexista, porque ela já nos avilta o suficiente”, diz parte da nota. A entidade escreve uma carta que será endereçada à TV Globo para obter o direito de resposta, bem como aconteceu com João Kleber, quando o programa Tarde Quente chegou a ser condenado a ficar 60 dias fora do ar por decisão judicial.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em nota, a Globo esclareceu que “sempre defendeu os direitos da mulher em campanhas de conscientização” em seus programas e novelas.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio