O Tempo Não Para surpreende e faz referência ao seriado Chaves

Publicado há 2 anos
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A novela O Tempo Não Para segue como um grande sucesso no horário das sete da Rede Globo. Mas, ao que parece, a produção quer ainda mais. Em uma das cenas exibidas na noite desta quarta-feira (29), o folhetim de Mário Teixeira fez uma clara referência ao seriado mexicano, Chaves.

Veja também: Edgar Vivar retorna para a Televisa em novela produzida pelo filho de Roberto Gomes Bolaños, o Chaves

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na cena em questão, Coronela, personagem interpretada por Solange Couto, se incomoda com um baile funk e sai na rua para reclamar do barulho de pijama e bobs na cabeça. Após o barraco ela se depara com Teófilo (Kiko Mascarenhas) e o convida para um café.  “Você não quer entrar? Eu preparo um café”, disse a personagem.

Solange Couto é Coronela em O Tempo Não Para (Divulgação)

Novela mexicana saiu na frente de O Tempo Não Para e já congelou personagem em um freezer

A novela O Tempo Não Para segue muito bem em audiência na Rede Globo. O folhetim dos congelados conquistou definitivamente o público com uma história cheia de humor, personagens cativantes e um texto impecável. Mas, quando falamos em congelados não podemos pensar diretamente na novela das sete da emissora.

Embora O Tempo Não Para tenha uma proposta e história bem diferente de qualquer outra novela, personagens congelados não é uma ideia exclusiva do autor Mário Teixeira. Em 2001, a mexicana Salomé, que também foi exibida pelo SBT e teve Edith González e Guy Ecker como protagonistas, saiu na frente em sua história e congelou sua vilã.

Embora não tenha voltado a vida, Rebeca, que foi interpretada por Alejandra Procuna, teve seu desfecho um tanto quanto bizarro. Ela morreu congelada dentro de um freezer que transportava carnes.

 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio