O Tempo Não Para: Marocas revela a Dom Sabino que Carmen foi afastada da Samvita

Publicado há 2 anos
Por Fabio Augusto
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de O Tempo Não Para, Marocas (Juliana Paiva) dirá para seu pai, Dom Sabino (Edson Celulari), que Carmen (Christiane Torloni) foi afastada da Samvita após descobrirem que ela havia desviado milhões da empresa para um paraíso fiscal.

Mas na verdade isso não passa de uma armação de Emílio (João Baldasserini) contra a empresária. “Não creio que Dona Carmen esteja passando por tal calvário”, responderá Dom Sabino.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Tudo injustamente”, completará Marocas. Dom Sabino irá pegar um charuto para fumar, mas Marocas não permitirá. Segundo ela, fumar faz mal a saúde. “Fumar faz mal à saúde. Os cigarros são ainda piores, um veneno”, sentenciará Marocas. Seu pai acatará o pedido da filha.

Leia mais: O Tempo Não Para: Emílio se declara para Marocas: “Eu tô me apaixonando por você de verdade”

Marocas desconfia de Emílio

Marocas contará para seu pai, de que tem ideia de quem armou contra Carmen. “Já faço até uma ideia de quem está por trás dessa tramoia contra a dona Carmen”, afirmará a jovem.

Entretanto, Dom Sabino perguntará o nome do trapaceiro, mas a jovem não dirá que desconfia de Emílio. “Deveras?… Quem é o poltrão, hei de fazê-lo pagar caro a afronta!”, pontuará o magnata do século retrasado.

“Ainda é cedo para afirmar… Mas estamos buscando provas para inocentar dona Carmen. Estou cá pensando, meu pai… Seria de bom tom oferecermos um jantar em solidariedade a dona Carmen”, pedirá Marocas. Dom Sabino, então, concordará com a ideia da filha. “Você está certa… É uma ideia justa e nobre”, finalizará Dom Sabino.

Leia mais: O Tempo Não Para: Após descobrir que Emílio botou a Samvita no vermelho, Samuca coloca o advogado contra a parede: “Vou te botar na cadeia por roubo”

O Tempo Não Para é uma novela escrita por Mario Teixeira, com colaboração de Bíbi Da Pieve, Marcos Lazarini e Tarcísio Lara Puiati, com direção artística de Leonardo Nogueira e direção geral de Marcelo Travesso e Adriano Melo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio