O Tempo Não Para: Dona Agustina não permite ‘viagem íntima’ de Marocas com Samuca

Publicado há 2 anos
Por Henrique Carlos
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de O Tempo Não Para, Dona Agustina (Rosi Campos), não permitirá a ‘viagem íntima’ de Marocas (Juliana Paiva) e Samuca (Nicolas Prattes), antes do casamento. “Marocas… eu pensei a respeito de sua ideia… de viajar com o seu noivo. Quero dizer que… só por cima do meu cadáver”, sentenciará a mulher do século 19. Mas Marocas relatará a sua mãe, que hoje, os valores são outros.

“Minha mãe… isso não faz sentido! Estamos no século 21!”, acrescentará Marocas, sem paciência afinal. “Nem por isso vamos nos corromper… E tenho dito”, acrescentará Agustina, já de saída. Logo depois, Marocas ligará para Samuca, que pedirá permissão a Dom Sabino (Edson Celulari), que também irá contra a viagem. “Calma, eu vou falar com Dom Sabino. Quem sabe ele não ajuda a gente a dobrar a D. Agustina”, dirá Samuca a amada.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Viagem íntima…

Dom Sabino revelará que já sabe da escolha da esposa, de não deixar Marocas viajar sozinha com Samuca. “Sim, Marocas me telefonou comentando sobre esse… plano de vocês”, acrescentará o magnata do século retrasado. “O senhor não é contra, né?”, pontuara o jovem afinal. “Não. Mas também não sou a favor… A bem da verdade, eu ficaria mais confortável se vocês levassem alguém… Talvez Cesária, Menelau… e Miss Celine… Damásia também é ótima companhia”, acrescentará Dom Sabino.

“Dom Sabino, eu adoro todos eles, mas isso seria mais uma excursão, né? E todo mundo tem o seu trabalho. E o senhor pode ter certeza que eu vou cuidar muito bem da sua filha”, pontuará o jovem, já sem paciência. “Eu sei disso, ou você não seria meu futuro genro… Samuel, fique tranquilo… eu falarei com dona Agustina e ela há de me ouvir. Afinal, ainda sou o chefe desta família”, finalizará Dom Sabino, abraçando o futuro genro.

O Tempo Não Para é uma novela escrita por Mario Teixeira, com colaboração de Bíbi Da Pieve, Marcos Lazarini e Tarcísio Lara Puiati, com direção artística de Leonardo Nogueira e direção geral de Marcelo Travesso e Adriano Melo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio