O Tempo Não Para: Carmen volta para a Samvita: “Diante das provas apresentadas, não há mais dúvida da inocência de Carmen”

Publicado há 2 anos
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de O Tempo Não Para, Carmen (Christiane Torloni) provará a sua inocência; e voltará a trabalhar na Samvita, empresa que construiu ao lado de seu filho, Samuca (Nicolas Prattes). “E por isso eu proponho a revogação de todas as restrições e suspeitas à acionista Carmen Tercena”, pontuará Samuca.

“A documentação que eu enviei a todos, em caráter urgente, atesta que ela foi vítima de uma armação”, acrescentará Vanda (Lucy Ramos). Dom Sabino dirá que quem forjou tudo, foi Emílio (João Baldasserini), o bacharel sem caráter. “Uma trama ardilosa feita por um facínora que acaba de ser desmascarado”, dirá o homem do século retrasado.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: O Tempo Não Para: Dom Sabino sai da prisão sob aplausos dos presos: “Um salve pro Dom Sabino!”

“Doutor Emílio deve pagar pelo que fez”, dirá Eliseu (Milton Gonçalves), que também faz parte do conselho. “O Conselho já tem uma posição?”, perguntará Samuca. A presidente do conselho votará para a volta imediata de Carmen, para o seu cargo na empresa.

“Sim… Diante das provas apresentadas, não há mais dúvida da inocência de Carmen… Nossa posição é que ela volte a exercer as suas funções normalmente”, concluirá a presidente do conselho da empresa. “Ótimo… Tudo resolvido”, concluirá Samuca.

Desculpas …

Dom Sabino pedirá para os conselheiros da empresa, pedirem desculpas a Carmen, já que ela foi injustiçada. “E naturalmente, deve haver um pedido de desculpas público… uma retratação formal.Se a senhora está em dificuldades, eu vou ensinar como é um pedido de desculpas de verdade… Basta repetir as minhas palavras.

Nós, do conselho, fomos injustos ao julgar erroneamente a senhora Carmen”, pedirá Dom Sabino. A presidente do conselho acatará o pedido de Dom Sabino. “Nós, do conselho, fomos injustos ao julgar erroneamente a senhora Carmen. Fomos levianos ao ignorar seu caráter, sua honra e sua história ilibada.

Por isso pedimos que ela nos perdoe. Com a promessa de que isso nunca mais irá se repetir”, concluirá a presidente do conselho. “Pronto!… Melhor assim”, finalizará Dom Sabino, com sensatez na fala. “Dom Sabino, se me permite… Eu queria pedir uma salva de palmas para a Carmen, que fez muita falta e está de volta ao expediente da Samvita!”, concluirá Vanda, com lágrimas no olhos. Todos aplaudirão Carmen, que foi julgado e condenada. Mesmo sendo inocente…

O Tempo Não Para é uma novela escrita por Mario Teixeira, com colaboração de Bíbi Da Pieve, Marcos Lazarini e Tarcísio Lara Puiati, com direção artística de Leonardo Nogueira e direção geral de Marcelo Travesso e Adriano Melo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio