O Tempo Não Para: Betina pedirá para Lúcio matar Agnese

Publicado há 2 anos
Por Henrique Carlos
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de O Tempo Não Para, Betina (Cleo) mostrará que faz de tudo para reconquistar Samuca (Nicolas Prattes); até pedir que alguém se torne um assassino. Lúcio (João Baldasserini), está apaixonado por Betina, mas será surpreendido por um pedido da moça. A empresária pedirá Lúcio para matar Agnese, sua ex-cúmplice. “Lúcio, você quer mesmo que eu confie em você? Então faz uma coisa: manda matar a Agnese!l”, dirá a vilã.

A princípio, Lúcio rejeitará o pedido afinal, não quer se tornar um isso  assassino. “Esquece isso… Eu não vou mandar matar ninguém… Eu não sou assassino”, acrescentará Lúcio. Betina relatará, que esse seria o único jeito de acabar com a vida de Agnese. “É o único jeito de calar a boca da Agnese… Se tem gente sua na cadeia, manda darem um sumiço nela! Lúcio, você não tá entendendo… Você garantiu que ia me dar proteção e tá fazendo o contrário disso!”, afirmará Betina.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Leia também: Samuca se declara para Marocas: “A melhor coisa que eu fiz na vida foi te encontrar no mar”

Um amor assassino…

Logo depois, Lúcio contará a amada que está cuidando de tudo. E que em breve, Agnese será ‘calada’. “Não seja ingrata… Eu estou cuidando de tudo… Agnese sabe muito bem que, se der com a língua nos dentes, vai pagar caro..”, concluirá o irmão gêmeo de Emílio (João Baldasserini). “Eu não posso correr o risco de ir pra cadeia”, falará Betina, mas bastante tensa. “Você não corre risco nenhum. Relaxa… Eu garanto que nada de mal vai te acontecer… Aja naturalmente. Quanto menos levantar suspeitas, melhor… Vida normal”, finalizará Lúcio, que abraçará a amada logo em seguida.

O Tempo Não Para é uma novela escrita por Mario Teixeira, com colaboração de Bíbi Da Pieve, Marcos Lazarini e Tarcísio Lara Puiati, com direção artística de Leonardo Nogueira e direção geral de Marcelo Travesso e Adriano Melo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio