O Tempo Não Para: Após quase perder Marocas, Dom Sabino pede perdão à filha

Publicado há 2 anos
Por Henrique Carlos
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de O Tempo Não Para, Dom Sabino (Edson Celulari) irá até o quarto de sua primogênita Marocas (Juliana Paiva), se desculpar com ela. Afinal, a jovem arriscou a sua vida para o salvar, em um duelo de vida ou morte. “Minha filha… Não me conformo… Você arriscou sua vida para me salvar”, dirá Dom Sabino. “Não havia outra coisa a fazer”, acrescentará Maria Marcolina, que descobriu que a bala da arma de seu pai,havia sido trocada por uma cápsula de festim.

“Você se jogou em frente àquela bala… poderia ter acabado em tragédia”, concluirá Dom Sabino, ainda sentido. “Meu pai, jamais poderia deixar que o senhor fosse atingido”, acrescentará Marocas. “Eu a proíbo de fazer isso outra vez”, dirá o homem do século retrasado. “Nada disso…Saiba que eu farei isso sempre pelo senhor… Espero que com menos regularidade”, concluirá a jovem congelada. “Ah, minha menina… Sempre tão destemida… e nobre!”, concluirá Dom Sabino, emocionado.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Pai e filha…

Marocas dirá ao seu pai, que ele teria a mesma atitude em relação a ela. “O senhor faria igualmente por mim, não?”, indagará a filha de Agustina (Rosi Campos). “Quantas vidas eu tivesse, todas elas teriam uma única dona”, acrescentará Dom Sabino, com emoção. “Que lindo, meu pai… Mas deixe a senhora Carmen saber disso”, brincará Marocas, se referindo a atual namorada de seu pai. “Carmen já sofreu demais com a volta do ex-marido… aquele homem é um canalha da pior espécie”, concluirá Dom Sabino, se referindo a Livaldo (Nelson Freitas), pai de Samuca (Nicolas Prattes). “Meu pai… Ele (Livaldo) me pareceu tão surpreso… e mortificado… Acho que, pelo menos dessa vez, ele é inocente”, finalizará Marocas.

O Tempo Não Para é uma novela escrita por Mario Teixeira, com colaboração de Bíbi Da Pieve, Marcos Lazarini e Tarcísio Lara Puiati, com direção artística de Leonardo Nogueira e direção geral de Marcelo Travesso e Adriano Melo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio