O Sétimo Guardião: Valentina passa água da fonte em olho roxo de Marcos Paulo

Publicado há 2 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em O Sétimo Guardião, na Globo, Valentina (Lilia Cabral) vai provar para Marcos Paulo (Nany People) que a água da fonte de Serro Azul não é comum. Ela demonstrará o milagre em um olho machucado da química, que ficará desconfiada, mas aceitará passar o liquido no ferimento. Confira.

“Toma! Coloca isso aqui no olho roxo”, dirá Valentina. “Vai querer enganar um químico, Valentina? Isso aqui é apenas água, não é o óleo de Lorenzo…”, reagirá Marcos Paulo. “Dê o nome que você quiser: água benta, xixi dos deuses, levanta defunto…”, rebaterá. “É água da fonte?”, indagará.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Valentina se abala e chora após brigar com Gabriel, em O Sétimo Guardião, na Globo

“Sem perguntas! Passe no rosto… mas pouco! No momento, o nosso estoque é mínimo”. “E agora?”, dirá ao passar no olho. “Agora vá deitar e espere o efeito. Na sua cama, Marcos Paulo! Daqui a pouco, verá qual foi o resultado”, afirmará Valentina, concluindo a conversa.

Ainda em O Sétimo Guardião

Em O Sétimo Guardião, Luz recebeu uma proposta para trabalhar na nova biblioteca de Serro Azul. No entanto, esse é um artifício de Júnior (José Loreto), que é o secretário de Educação e Cultura e quer tê-la por perto. Apesar de recusar a oferta em um primeiro momento, após uma conversa com Sóstenes (Marcos Caruso), ela prometerá pensar sobre o tema. Confira.

“Não vou aguentar isso, vô! Ficar com o Júnior colado no meu cangote, me sufocando, na casa que é, por direito, do Gabriel, não dá!”, afirmará Luz. “Se está assim por causa do Gabriel, estou certo que ele tem maturidade pra entender a situação e te dar todo apoio”, rebaterá Sóstenes. “Não é só por causa dele. É por mim. Isso é um abuso, vô! A ideia da biblioteca é ótima, o problema é que não é nas pessoas de Serro Azul que Júnior está pensando…”, explicará.

“Meu conselho é que não se precipite, não peça exoneração. Aceite o desafio. Afinal, você adora os livros!”. “Isso é só pretexto, é a isca que o Júnior inventou para tentar me capturar”. “E acaso você é mulher de se deixar apanhar? Cabe a você colocar o Júnior no seu devido lugar, impondo seus limites”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio