O Sétimo Guardião: Valentina admite para Olavo que León a perturba

Publicado há 2 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em O Sétimo Guardião, na Globo, Valentina (Lilia Cabral) está passando por momentos complicados. Ela está lutando para ficar com o casarão que foi de Egídio (Antônio Calloni) e, então, garantir a exploração comercial da fonte milagrosa. Para conseguir, ela já sabe que deve tirar o gato León do seu caminho. Em uma conversa com Olavo (Tony Ramos), admitirá que o animal a perturba. Confira.

“Não dá para acreditar, Valentina. Esta aflição toda por causa de um gato?! Do modo como você fala do bicho parece até que ele tem poderes”, falará Olavo. “Alguma coisa nele me perturba profundamente. Por isso quero ver aquele bicho morto e mais que isso: estraçalhado!”, confirmará a megera.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Valentina se abala e chora após brigar com Gabriel, em O Sétimo Guardião, na Globo

“Então, para sua tranquilidade, espero que seu capanga seja mais eficiente com ele do que foi com a tal governanta e execute o bicho o quanto antes. Aliás, quanto a ela… Você não devia ter escondido de mim o que estava acontecendo lá na sala enquanto a gente jantava ontem à noite”. “Você não estava só! Eu já tinha saído da mesa para falar com o Sampaio. Se interrompesse o seu jantar, os outros iam desconfiar que tinha alguma coisa errada, iam fazer perguntas”, concluirá.

Ainda em O Sétimo Guardião

Em O Sétimo Guardião, Luz recebeu uma proposta para trabalhar na nova biblioteca de Serro Azul. No entanto, esse é um artifício de Júnior (José Loreto), que é o secretário de Educação e Cultura e quer tê-la por perto. Apesar de recusar a oferta em um primeiro momento, após uma conversa com Sóstenes (Marcos Caruso), ela prometerá pensar sobre o tema. Confira.

“Não vou aguentar isso, vô! Ficar com o Júnior colado no meu cangote, me sufocando, na casa que é, por direito, do Gabriel, não dá!”, afirmará Luz. “Se está assim por causa do Gabriel, estou certo que ele tem maturidade pra entender a situação e te dar todo apoio”, rebaterá Sóstenes. “Não é só por causa dele. É por mim. Isso é um abuso, vô! A ideia da biblioteca é ótima, o problema é que não é nas pessoas de Serro Azul que Júnior está pensando…”, explicará.

“Meu conselho é que não se precipite, não peça exoneração. Aceite o desafio. Afinal, você adora os livros!”. “Isso é só pretexto, é a isca que o Júnior inventou para tentar me capturar”. “E acaso você é mulher de se deixar apanhar? Cabe a você colocar o Júnior no seu devido lugar, impondo seus limites”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio