O Sétimo Guardião: Por Gabriel, Patrício pressiona Eurico

Publicado há 2 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em O Sétimo Guardião, na Globo, Patrício (Lucci Ferreira) decidiu defender Gabriel (Bruno Gagliasso). O galã terá que ir à Justiça se quiser reaver o casarão de Egídio (Antônio Calloni), que seria seu por herança. O local foi desapropriado pela prefeitura a pedido de Valentina (Lilia Cabral), que quer explorar a fonte milagrosa que há na propriedade. Agora, o advogado vai procurar o prefeito Eurico (Dan Stulbach) para iniciar o processo. Confira.

“Tenho algumas perguntas a lhe fazer, prefeito”, falará Patrício. “Entrevista agora não dá. Estou conferindo um material importantíssimo da prefeitura”, falará Eurico. “Não é entrevista. É problema jurídico”. “Essa cadeira de prefeito parece para-raio de encrenca, mesmo! Qual é o caso?”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Valentina se abala e chora após brigar com Gabriel, em O Sétimo Guardião, na Globo

“Gabriel Marsalla vai entrar na justiça contra a desapropriação do casarão do pai dele, seu Egídio Arantes”. “Mas o que você tem a ver com isso, Patrício?”. “O advogado dele sou eu”. “Mas desde quando você é advogado?!”. “Desde que me formei!”, rebaterá entregando a carteira da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil).

“Nessa qualidade, tenho direito de acesso a toda documentação referente ao processo administrativo que resultou na desapropriação”, continuará Patrício. “Advogado, é? Taí uma notícia que você nunca falou na rádio. Por que não contou isso pra ninguém?”. “Porque nunca precisei contar antes. Mas hoje estou precisando porque assumi um cliente e meu oponente é a prefeitura. Aqui a procuração que o Gabriel me deu pra defender os interesses dele!”. “Pode começar as tais perguntas”, dirá Eurico, se dando por vencido. “Primeira delas… Cadê a documentação?!”, questionará Patrício, concluindo a conversa.

Ainda em O Sétimo Guardião

Em O Sétimo Guardião, Luz (Marina Ruy Barbosa) recebeu uma proposta para trabalhar na nova biblioteca de Serro Azul. No entanto, esse é um artifício de Júnior (José Loreto), que é o secretário de Educação e Cultura e quer tê-la por perto. Apesar de recusar a oferta em um primeiro momento, após uma conversa com Sóstenes (Marcos Caruso), ela prometerá pensar sobre o tema. Confira.

“Não vou aguentar isso, vô! Ficar com o Júnior colado no meu cangote, me sufocando, na casa que é, por direito, do Gabriel, não dá!”, afirmará Luz. “Se está assim por causa do Gabriel, estou certo que ele tem maturidade pra entender a situação e te dar todo apoio”, rebaterá Sóstenes. “Não é só por causa dele. É por mim. Isso é um abuso, vô! A ideia da biblioteca é ótima, o problema é que não é nas pessoas de Serro Azul que Júnior está pensando…”, explicará.

“Meu conselho é que não se precipite, não peça exoneração. Aceite o desafio. Afinal, você adora os livros!”. “Isso é só pretexto, é a isca que o Júnior inventou para tentar me capturar”. “E acaso você é mulher de se deixar apanhar? Cabe a você colocar o Júnior no seu devido lugar, impondo seus limites”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio