O Sétimo Guardião: Olavo surpreende e recua em briga com Valentina e Gabriel

Publicado há 2 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em O Sétimo Guardião, na Globo, Olavo (Tony Ramos) terá uma discussão com Valentina (Lilia Cabral). A empresária exigirá assumir o controle de tudo novamente e falará até em anular o contrato que assinou lhe passando todos os seus bens. O pai de Laura (Yanna Lavigne) até resistirá, mas, surpreendentemente, recuará, de repente.

“Vai chamar o delegado? Sou amigo do secretário de segurança, não tenho medo daquele coitado!”, perguntará Olavo. “Se eu for na delegacia, é pra confessar um homicídio! Porque, se alguém daqui botar os pés de novo na fonte, vou abater a tiros!”, responderá Gabriel (Bruno Gagliasso). “Você tem jeito de ser traiçoeiro como a sua mãe!”, provocará Olavo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Após ser apontado como assediador, Fabim procura Marilda, em O Sétimo Guardião, na Globo

“Quer que chame Sampaio e os seguranças?”, perguntará Laura. “Antes, quero saber se ele tem certeza do que está dizendo. Afinal, ele quis casar com você, falou que te amava… E depois deu pra trás, fugiu feito um covarde!”, dirá Olavo. “Uma coisa não tem nada a ver com a outra. A fonte é propriedade privada. O dono tem todo o direito de impedir que a invadam, mesmo que pra isso precise usar a força bruta!”, avisará Gabriel.

Ainda nesta cena de O Sétimo Guardião

“Escuta aqui, seu moleque metido a gente…”, dirá Olavo… Mas, na sequência, se acalmará abruptamente: “Sabe do que mais? Você tem razão”. “Como assim?”, perguntará Gabriel. “Sou dono de várias propriedades. Entendo essa linguagem. Não ia deixar invadirem nada meu”, explicará Olavo.

“O que quer dizer com isso?”, questionará o guardião-mor. “A fonte é de vocês, pronto. Assunto encerrado”, falará Olavo e sairá. “Alguma coisa está errada! Esse não é o Olavo”, avaliará Valentina. “Laura, qual o plano do seu pai?”, perguntará Gabriel. “E eu que sei? Fiquei bolada igual vocês!”. “Nem eu, que sou macaca velha e sambada, vi algo assim na vida! Se for malandragem… Tá de parabéns ele, porque ninguém entendeu!”, pontuará Marcos Paulo. “Mas eu vou entender na marra! Espera aí, Olavo!”, concluirá Valentina.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais