O Sétimo Guardião: Eurico fica preocupado após trair guardiões

Publicado há 2 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em O Sétimo Guardião, na Globo, Eurico (Dan Stulbach) tomou a decisão de passar para o lado de Valentina (Lilia Cabral). Ela prometeu instalar em Serro Azul uma antena para serviço de celular e o prefeito não resistiu. Em troca, ele lhe dará o casarão que foi de Egídio (Antônio Calloni). Mas, no local, há a fonte milagrosa.

“Será que sua irmã já acordou?”, perguntará Eurico, iniciando a conversa. “Se não, a gente fica esperando. Afinal, temos um assunto importante pra tratar com ela”, responderá Marilda. “Ela vai ter cumprir a promessa: o casarão do Egídio em troca da telefonia celular”. “E eu vou ficar rica!”. “Outra vez essa história de rica? Rica por quê?”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Laura convida Gabriel para ir a seu quarto, em O Sétimo Guardião, na Globo

Neste instante, Marilda perceberá que falou demais. “Se está pensando em desviar dinheiro da Casa de Cultura, pode tirar o cavalinho da chuva. Esse negócio de arte só dá prejuízo!”, afirmará Eurico. “Por acaso tenho cara de quem desvia dinheiro de um órgão público?”. “Nem você, nem ninguém. Mas existe outro jeito de mulher de prefeito ficar rica de repente?”.

Ainda nesta cena de O Sétimo Guardião

“Existe. É ser objeto da bondade de uma irmã milionária! Depois que a gente der o que Marlene quer, ela vai me tornar beneficiária do testamento dela de uma vez por todas”. “Ela já prometeu isso, mas acho que esqueceu”. “Agora vai lembrar… E cumprir. E minha participação na divisão de bens dela não será apenas simbólica! Ela vai me dar é muitcho!”.

“Como casamos em regime de comunhão de bens… Eu espero que sim”. “Júnior na Prefeitura, você no Congresso lá em Brasília, e eu fazendo compras em Paris, em Dubai… Daqui para frente é assim que será nossa vida. Um eterno mar de rosas perfumadas”. “Se os outros guardiães não me matarem antes…”, falará Eurico consigo. “Que foi que você disse?”, perguntará Marilda. “Nada. E para de se embonecar toda, se não a gente se atrasa”, concluirá o prefeito.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio