O Primo Basílio estreava há 29 anos

Publicado há 3 anos
Por André Santana
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No dia 09 de agosto de 1988, a Globo estreava a minissérie O Primo Basílio. Escrita por Gilberto Braga e Leonor Bassères, baseados na obra de Eça de Queiroz, a trama teve 16 capítulos e foi dirigida por Daniel Filho.

A trama se passa na Lisboa do século 19, e conta a história do jovem Basílio (Marcos Paulo), primo de Luísa (Giulia Gam). Eles foram muito apaixonados na infância, e Basílio prometeu a ela que se casariam quando ele retornasse da Inglaterra. Porém, ele não retornou e ela se casou com o jovem engenheiro Jorge (Tony Ramos), sem esperanças de um dia reencontrar o primo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Entretanto, um dia Basílio regressa, e faz despertar o amor de Luísa novamente. Entediada pela rotina do casamento, a leitora de romances se deixa envolver novamente pelo primo quando Jorge precisa viajar. Luísa e Basílio passam a se encontrar regularmente na própria casa de Jorge. No entanto, quando Jorge regressa, Luísa passa a se sentir mal pela traição. Além disso, sua empregada, a invejosa Juliana (Marília Pêra), encontra cartas trocadas entre Basílio e Luísa, nas quais os dois relembram os encontros, e passa a chantagear a patroa. Ela lhe pede 600 mil réis em troca do silêncio. Luísa não dispõe da quantia e passa a servir Juliana numa mudança de posição. A criada vira patroa, e a patroa ocupa o lugar da criada.

Luísa, assim, sofre com os desmandos de Juliana, enquanto Jorge não compreende os motivos para que a esposa tenha atitudes tão estranhas. Ao mesmo tempo, Luísa descobre que foi usada pelo primo Basílio, que nunca quis nada verdadeiramente sério com ela. Notando que ama Jorge de verdade, Luísa passa a cultivar um sentimento de culpa cada vez maior. Acuada em meio a ameças, mentiras e chantagens, Luísa cai doente.

O Primo Basílio foi uma das minisséries mais aclamadas já exibidas pela Globo, com boa resposta do público e da crítica. A trama projetou a atriz Giulia Gam, cuja estreia na TV havia acontecido pouco tempo antes, como a Jocasta na primeira fase da novela Mandala, papel depois assumido por Vera Fischer. A minissérie também é considerada um dos melhores trabalhos da carreira de Marília Pêra, absolutamente incrível como a vilã Juliana, considerada uma das melhores vilãs da teledramaturgia. Segundo consta, a atriz teria resistido aceitar a personagem, em razão da extrema feiura com que Juliana é retratada na obra de Eça de Queiroz.

O Primo Basílio foi lançada em DVD em 2007 pela Globo Marcas. Em 2008, Daniel Filho e Euclydes Marinho lançaram o filme Primo Basílio, com Glória Pires, Débora Falabella, Fábio Assunção e Reynaldo Gianecchini como protagonistas. O longa leva a trama para a São Paulo de 1958, e Gloria Pires também roubou a cena como Juliana.

A minissérie foi reexibida na íntegra pelo Canal Viva de 28 de outubro a 18 de novembro de 2013.

Leia também:

Topa ou Não Topa chegava ao fim há seis anos

Reveja a incrível cena em que Juliana inicia sua chantagem contra Luísa em O Primo Basílio:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais