O Outro Lado do Paraíso: Duda pede perdão a Mercedes em encontro emocionante

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No passado, Duda (Glória Pires) desfez dos poderes visionários de Mercedes (Fernanda Montenegro) em O Outro Lado do Paraíso. Agora, depois de reencontrar a filha que lhe foi tirada no parto, a ex-dona do bordel vai se redimir com a vidente.

Assim que conta a verdade à Clara (Bianca Bin), a mocinha quer levar a mãe até o avô para esclarecer a história. Ao chegar na casa, Duda reconhece o lugar. “Seu avô mora aqui, com aquela vidente?, pergunta. “É aqui sim. Conhece dona Mercedes?”, quer saber a mocinha. “Foi bom vir aqui, tenho muita coisa a dizer a ela. Emoções que vivem no fundo do meu coração”, revela a mulher.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Depois de conversar com Josafá (Lima Duarte), que explicará detalhes da vida da neta depois do nascimento, Duda pede para falar com Mercedes. “Eu queria falar em particular com a senhora”, diz. “Eu sei… abre seu coração”, pede a velha. “Nem sei que palavras devo dizer. Quero pedir desculpas. Vim aqui uma vez. Estava à procura da minha primeira filha. A Clara. A senhora disse que conhecia uma moça que estava unida a mim, por laços muito fortes”, relembra Duda. “As vozes disseram. Não com palavras exatas, mas queriam dizer, você que não queria ouvir”, diz a velha, que relembra o dia que conversou com Duda. “Eu duvidava dos seus poderes. Como… duvidava de Deus. Mas a vida me deu provas de que há um ser superior. Alguém que faz com que a gente se encontre, como encontrei a Clara tantas vezes. Como agora, encontrei minha outra filha. Tanta desgraça aconteceu, mas no fundo tudo faz um sentido. Só assim eu pude encontrar quem meu coração chamava”, analisa a mãe de Adriana (Julia Dalávia).

O Outro Lado do Paraíso: Amaro fica assustado com previsões de Mercedes

Mercedes vai continuar explicando o destino à Duda. “Nossos destinos se cruzam como uma teia. Tamos ligados por essa imensa teia do destino. O magnifico, o Criador, talvez seja um ser capaz de tecer destinos, como uma aranha tece a teia. Nós só precisamos aceitar, entender, estar em harmonia”, diz a velha. A vidente lembra que existe o livre arbítrio e que o destino não é imutável. “Eu preciso agradecer a Ele. Ao Criador. A Ele, que tanto neguei. Apesar de eu tanto negar, Ele trouxe minhas duas filhas de volta. Meu coração está cheio de amor. Permita que eu compartilhe esse amor, essa gratidão. Deus, não sei quem você é, como é. Existem muitas religiões e todas devem estar certas de alguma maneira. Mas Deus… Deus do meu coração, eu agradeço”, diz Duda, que abraça Mercedes cheia de emoção.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio