O Outro Lado do Paraíso: Duda é inocentada por morte de Laerte com ajuda de ex-amante

Publicado há 3 anos
Por Gabriel Vaquer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de O Outro Lado do Paraíso, Duda (Gloria Pires) vai conseguir ser inocentada da acusação de ter matado Laerte (Raphael Vianna) em Pedra Santa.

Em cenas previstas para irem ao ar daqui a duas semanas, quem vai ser totalmente responsável por inocentar é Renan (Marcello Novaes), que vai reaparecer e mostrar que não está morto.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja mais: O Outro Lado do Paraíso: Vinícius reprova casamento de Laura: “Acho cedo”

Quem vai chamar Renan para o plenário é Adriana (Julia Dalavia). Ele começa a falar e explica que não morreu, apenas ficando em coma, mas que sobreviveu o que aconteceu naquela noite entre ele e Duda.

” Foi importante na minha vida. Mas breve demais. Ela foi me visitar. Separou-se. Não me conformei, discutimos. Eu tentei… tentei beijá-la à força”, explicou Renan. “Ela não permitiu. Eu mesmo perdi o equilíbrio e me desequilibrei. Caí. Acordei no hospital”, continua.

“A batida de cabeça foi forte. Tive concussão cerebral. Amnésia parcial durante meses. Saí do hospital e soube das notícias da morte da Bete. Por isso, nunca a procurei. A doutora Adriana me procurou ontem. Contou que Bete poderia ser condenada por… minha morte. Eu não podia permitir. Vim imediatamente”, completa.

Pouco depois, Adriana termina as perguntas. Gustavo (Luís Melo) termina o julgamento e convoca os jurados para fazerem o seus votos. Ele pega a urna com os votos, conta e revela que já existe um veredito.

“A ré é considerada inocente.  Entretanto, ainda responderá pelo crime de uso de falsa identidade. Crime que não pressupõe prisão até o julgamento. A corte exige que a ré permaneça em Palmas, em endereço onde possa ser localizada”, diz o juiz. Duda diz que não tem endereço, mas logo Clara (Bianca Bin) resolve a situação.

“Ela tem endereço. Minha casa. De agora em diante, mora comigo”, afirma. “Nesse caso, está resolvido. A senhora Maria Elizabeth Montserrat está livre”, finaliza o juiz. A partir dali, Duda vai ter muitas emoções e coisas a resolver.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio