O Outro Lado do Paraíso: Clara tenta saber nome real de Duda e se declara: “Eu te amo”

Publicado há 3 anos
Por Gabriel Vaquer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos próximos capítulos de O Outro Lado do Paraíso, Clara (Bianca Bin) vai tentar saber o nome real de Duda (Gloria Pires) em uma visita na prisão, e vai se declarar para a sua amiga – sem saber que na verdade é a sua mãe que está na sua frente.

Em cenas previstas para irem ao ar na próxima semana, Clara vai até a prisão conversar com Duda e diz que só não aceitou contar o que houve de verdade porque aquilo podia lhe prejudicar a conseguir seu filho de volta.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja mais: O Outro Lado do Paraíso: Mariano conta de mentira para Sophia e humilha vilã

“Duda, eu só aceitei não contar que estava naquele quarto, que peguei a tesoura nas mãos, porque estou lutando pela guarda do meu filho. Caso contrário, não teria medo. Eu não matei aquele homem”, afirma a mocinha.

“Se souberem que esteve no local do crime, vão cair em cima de você como lobos”, responde Duda. Clara tenta convencer Duda a aceitar ajuda de Patrick (Thiago Fragoso).

“Eu vim aqui porque sei que se recusa a ajudar a defesa. O Patrick é o melhor advogado criminalista do país”, diz Clara. Duda diz que gosta de Adriana (Julia Dalavia), que a defende – ela também não sabe que esta é sua filha.

“Eu insisto em saber, Duda. Por que faz isso por mim? Está sendo acusada de um crime que sei que não cometeu. Eu seria a única testemunha a seu favor”, pergunta Clara.

“Se for minha testemunha, será acusada do crime. Não posso permitir”, diz Duda. Clara pergunta que tipo de laços são esses, e ela explica quais são: “Laços… do destino. Nos encontramos algumas vezes, sempre em situações especiais. Eu ajudei você Clara, quando fugiu daquele hospício”.

“Você me ajudou também, me deu ânimo. Eu vim para cá. Pode não ser um negócio admirável do ponto de vista da sociedade. Mas gostava de ser dona do bordel, das luzes, da alegria”, conclui Duda.

Clara pede para que Duda confie e diga seu nome de verdade. Ela diz que não pode falar porque está morta. Clara questiona a afirmação, já que ela está ali, frente a frente. “Já escolhi meu caminho. Vou ser condenada. Que importa? Irei para a prisão de cabeça erguida, por ter feito o que minha consciência mandou”, afirma Duda.

Duda então diz que só quer pedir uma coisa para Clara, para conseguir ter forças para continuar: “Só quero um abraço. Um abraço”. Clara se emociona e dá um forte abraço na sua amiga. Ela também se declara.

“Eu te amo. Não entendo por que o destino nos uniu de maneira tão forte. Mas eu te amo”, afirma Clara. Duda responde e mostra que a recíproca é verdadeira: “Eu também te amo muito”.

O Outro Lado do Paraíso é exibida diariamente, depois do Jornal Nacional.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio