No elenco da versão censurada, Rosamaria Murtinho lamenta não ter feito Roque Santeiro

No Instagram, a atriz reclamou por não ter sido chamada para a segunda versão da trama

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A atriz Rosamaria Murtinho lamentou, em sua conta no Instagram, não ter sido chamada para o elenco da segunda versão de Roque Santeiro, que foi ao ar em 1985. A veterana estava no elenco da primeira versão, que começou a ser gravada em 1975, mas foi censurada no dia da estreia e não foi ao ar.

A revelação aconteceu na caixa de perguntas do perfil de Rosamaria Murtinho no Instagram. Ao ser perguntada por um seguidor como ela se sentiu quando a primeira versão da trama foi censurada, a atriz lamentou o que aconteceu.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Fiquei bem triste e mais triste ainda por não ter sido chamada para a versão que foi ao ar. Era uma novela lindíssima e eu fazia uma personagem bem fora dos padrões, diferente de tudo que já tinha feito. Queria que as pessoas vissem isso”, respondeu ela.

Na versão de Roque Santeiro que não foi ao ar, Rosamaria Murtinho interpretava Matilde, dona da Boate Copacabana, que causava escândalo junto aos conservadores da pequena cidade de Asa Branca. Na versão que foi ao ar, a personagem foi vivida por Yoná Magalhães (e sua boate se chamava Sexus).

Roque Santeiro (1975) x Roque Santeiro (1985)

A Fabulosa Estória de Roque Santeiro, escrita por Dias Gomes, baseada em sua peça O Berço do Herói, seria a substituta da novela Escalada no horário nobre da Globo em 1975. A trama trazia Francisco Cuoco no papel-título, Lima Duarte como Sinhozinho Malta e Betty Faria como Viúva Porcina.

A novela teve 36 capítulos gravados, mas foi censurada pelo governo do regime militar no dia da estreia, em 27 de agosto de 1975. Neste dia, a emissora foi oficializada pelo Departamento de Ordem Política e Social (DOPS), do governo federal, e impedida de levar a trama ao ar. Os militares haviam descoberto que se tratava de uma versão de O Berço do Herói, que já havia sido censurada.

Por isso, o horário da novela foi ocupada por uma reprise de Selva de Pedra, enquanto uma nova novela era produzida: Pecado Capital, de Janete Clair, que aproveitou grande parte do elenco da trama censurada. Rosamaria Murtinho foi uma das atrizes aproveitadas, vivendo a personagem Eunice.

Enquanto isso, Roque Santeiro foi produzida 10 anos depois, em 1985, já sob o regime da Nova República. Do elenco original, Lima Duarte, João Carlos Barroso, Luiz Armando Queiroz e Ilva Niño voltaram para os mesmos personagens. Milton Gonçalves, Elizângela, Leina Krespi, Lutero Luiz e Denis Carvalho também retornaram, mas com personagens diferentes. José Wilker substituiu Francisco Cuoco como Roque, e Regina Duarte ficou com a Viúva Porcina de Betty Faria.

Confira abaixo a postagem de Rosamaria Murtinho no Instagram:

Postagem de Rosamaria Murtinho (reprodução/Instagram)
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio