No Dia da Consciência Negra, Record troca apresentadores do Fala Brasil e do Jornal da Record

Jornalistas negros da assumem a apresentação de manhã e à noite

Publicado há 8 dias
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Para celebrar, nesta sexta-feira (20), o Dia da Consciência Negra, pelo segundo ano consecutivo a Record prepara uma ação especial. Os telejornais Fala Brasil e Jornal da Record terão a presença exclusiva de duas duplas de jornalistas negros na apresentação.

Assim como no ano passado, o Jornal da Record traz Luiz Fara Monteiro, repórter que já faz parte do rodízio de apresentadores do jornalístico, para assumir o comando do jornalístico nesta data. Em sua companhia, não estará a titular Christina Lemos. Desta vez ele vai formar dupla com a repórter Mariana Bispo, que fará sua estreia na bancada do programa.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A novidade deste ano é que o Fala Brasil também participa da iniciativa. Salcy Lima, que havia sido a parceira de Fara no ano passado na edição especial do JR, hoje é a titular do programa matinal, ao lado de Roberta Piza e Celso Zucatelli.

Record coloca jornalistas negros na bancada em 20 de novembro (Divulgação/Record/Edu Moraes)

Nesta sexta-feira, ela permanece à frente do programa no qual trabalha, tendo como companheira de bancada uma convidada da rede. Seus parceiros de bancada deixam suas posições para abrir espaço para Amanda Santos, apresentadora do Central do Tempo, do Balanço Geral da NDTV, afiliada da Record, em Santa Catarina.

Em 2019, ela havia participado das comemorações como repórter de uma série especial sobre racismo exibida pelo telejornal. Agora, pela primeira vez em sua carreira, ela apresenta um telejornal exibido em rede nacional.

O Jornal da Record e o Fala Brasil ainda preparam reportagens especiais sobre o tema sobre racismo para serem exibidas na sexta-feira.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio