No Bom Dia Brasil, apresentadora se revolta com notícia de agressão

Publicado há um ano
Por Arthur Pazin
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na edição desta terça-feira (14) do Bom Dia Brasil, a apresentadora Ana Luiza Guimarães se mostrou revoltada com uma notícia sobre a agressão a um torcedor do Gama por quatro homens no último domingo (12), no Distrito Federal.

O rapaz precisou ser levado ao hospital depois de ficar inconsciente. O telejornal exibiu as imagens do espancamento e indignada, a jornalista comentou o caso:

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Que coisa! Olha, é impressionante ver uma imagem dessa. Não dá nem pra entender”, declarou a substituta de Ana Paula Araújo. Chico Pinheiro também opinou sobre a situação. “Parece tentativa de homicídio, mas por quê?”, questionou o profissional.

De Brasília, Fábio William também palpitou sobre o ocorrido. “Seja o que for, não se justifica, até pela covardia”, disse. Ana Luiza Guimarães, então, continuou a falar sobre a matéria. “Pela covardia, pelo absurdo, porque um torce por um time diferente do outro.”

“São quatro pessoas, se deu essa loucura na cabeça de um, não é possível que os outros não falem: ‘não faça isso’. É inacreditável que essa cultura, essa rivalidade que se torna crime ainda exista. É inacreditável”. Assista ao momento.

Ainda na mesma edição, Ana Luiza Guimarães também comentou sobre o caso de homofobia na Polícia Militar do DF. De acordo com a reportagem, o coronel da PM alegou que não se tratava de homofobia, mas a jornalista fez questão de lembrar que ‘é sim, homofobia’. Veja!

Recentemente, a jornalista da afiliada da Globo na Bahia, Jéssica Senra, também se revoltou, ao vivo, ao comentar sobre o caso da contratação do goleiro Bruno.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio