National Geographic lança primeiro documentário em tecnologia Green Definition na América Latina

Publicado há 2 anos
Por Greicehelen Santana
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A National Geographic estreou o primeiro documentário em tecnologia Green DefinitionOs EUA e as Mudanças Climáticas do Planeta. O lançamento ocorreu no último domingo (16), às 18h, no grade de programação do canal.

Veja também: Bruna Marquezine curte hotel de luxo em Londres

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O documentário explora o impacto socioeconômico que produz a mudança climática e os desastres naturais em nosso planeta. Já a Green Definition é uma tecnologia inovadora que permite poupar energia quando usarmos televisão.

Trata-se de uma resolução certificada e testada mundialmente que tem capacidade de diminuir até 54% a energia utilizada em algumas televisões.

Green Definition pode mudar os padrões da indústria sobre soluções de redução de consumo energético. E, até mesmo, mudar a forma que produzimos conteúdo de entretenimento e publicidade.

O documentário

Centrado no debate sobre o futuro energético dos Estados Unidos desde que o presidente Donald Trump anunciou a saída do Acordo de Paris, o documentário explora o impacto socio-econômico, muito real e tangível, dos desastres que são gerados por causa da mudança climática.

A produção mostra os esforços da população que luta contra esse problema nos Estados Unidos. Especialmente nas zonas que foram devastadas por desastres naturais como Porto Rico, Califórnia e Flórida.

O Paris To Pittsburgh, título em iglês do documentário, é uma produção da RadicalMedia em parceria com a Bloomberg Philanthropies. A RadicalMedia é uma produtora agraciada com prêmios Oscar e Emmy.

O material foi dirigido por Sidney Beaumont, ganhador de prêmios Emmy, e Michael Bonfiglio, cineasta indicado a prêmios Emmy.  Beaumont também é produtor do documentário. Os produtores executivos são: Joe Berlinger, cineasta indicado a prêmios Oscar; Jon Kamen e Katherine Oliver, da Bloomberg Philanthropies.

A National Geographic e o meio ambiente

O cuidado com o meio ambiente e o desenvolvimento de um modo de vida sustentável são projetos prioritários da National Geographic.

Sob esse lema, a companhia inovou e desenvolveu uma resolução que permite diminuir a quantidade de energia consumida quando vemos televisão. Tornando-se, desta forma, o primeiro canal de televisão do mundo que permite poupar energia durante o consumo.

“Na National Geographic estamos muito comprometidos com o meio ambiente. E constantemente nos perguntamos o quê mais podemos fazer para conseguir um mundo mais sustentável. Decidimos inovar neste novo formato e, através de um conteúdo que impulsiona a conscientização sobre esse assunto, oferecer à nossa audiência mais ferramentas para acompanhar a luta contra a mudança do clima”, comentou Santiago De Cárolis, SVP de Marketing, Programação e Aquisição da National Geographic Partners para a América Latina.

Pela iniciativa, a National Geographic Partners Latin America foi premiada em 2018 com um Silver Cannes Lion em “Responsible Consumption and Production”. O agraciamento foi dentro da categoria “Sustainable Development Goals Lions”.

A categoria celebra as iniciativas e soluções criativas que buscam o impacto positivo no mundo. Visando alcançar um ambiente mais sustentável e próspero.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio