“Não há espaço para sexo entre mulheres numa novela”, afirma atriz de Um Lugar ao Sol

Atriz viverá romance gay com Natália Lage em Um Lugar ao Sol

Publicado em 03/10/2021 22:15
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A atriz Mariana Lima está prestes a retornar ao horário nobre da Globo, onde fez sua estreia na TV – como a Liliana Mezenga, de O Rei do Gado (1996). Ela está no elenco de Um Lugar ao Sol, folhetim de Lícia Manzo que substituirá a edição especial de Império a partir de novembro na tela do canal carioca.

Sua personagem, Ilana, se descobrirá bissexual na maturidade e trocará um casamento aparentemente estável com o fotógrafo Breno (Marco Ricca) por um romance lésbico com a médica Gabriela (Natália Lage), uma mulher bem mais jovem.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

É uma mulher em crise profunda, porque é heterossexual casada há muitos anos e de repente sente um troço por aquela médica e não sabe o que fazer com isso. Ela não é nada militante, ao contrário, é preconceituosa com ela mesma“, adiantou Mariana a respeito do papel, em entrevista ao jornal O Globo.

Está prevista, inclusive, uma sequência de beijo entre Ilana e Gabriela. “Vai ter beijo. Gravamos um mais quente e um mais frio, torcendo para entrar o mais quente. Hoje não há espaço para uma cena de sexo entre duas mulheres numa novela. A gente seria massacrada“, acredita.

Em defesa de sua tese, Mariana recorda a repercussão do par de lésbicas da terceira idade, encarnado por Fernanda Montenegro e Nathália Timberg na mal sucedida novela Babilônia (2015). “Ninguém gostava do casal, ninguém queria o casal. Lembro que nas pesquisas ninguém queria ver as duas se beijando“, lamenta.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio