Não era para ser: 5 casos de personagens das novelas que quase foram parar na mão de outros atores

Publicado há 2 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Depois que os autores conseguem aprovar as sinopses das novelas na emissora na qual trabalham, a escalação de elenco é uma das próximas atividades a serem tomadas pelos escritores em conjunto com os diretores das obras.

Leia: Nem vilão, nem mocinho: Personagens dúbios das novelas atuais

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nem sempre se consegue chegar a todos os nomes desejados, o que acaba causando algumas modificações no casting que era idealizado. Veja alguns casos de personagens que foram parar na mão de artistas que não eram a primeira opção.

Nazaré Tedesco (Renata Sorrah) – Senhora do Destino (2004)

Hoje em dia ninguém consegue imaginar outra atriz como Nazaré Tedesco em Senhora do Destino que não seja Renata Sorrah. Acontece que anteriormente quem viveria a personagem seria Susana Vieira e Regina Duarte seria Maria do Carmo. No fim, Susana acabou se tornando a protagonista e Renata assumiu como vilã no enredo de Aguinaldo Silva.

Nazaré (Renata Sorrah) de Senhora do Destino (Divulgação/TV Globo)

Taís e Paula (Alessandra Negrini) – Paraíso Tropical (2007)

Quando escreveu Paraíso Tropical, Gilberto Braga criou as gêmeas Taís e Paula para serem interpretadas por Cláudia Abreu. Entretanto, a atriz ficou grávida do segundo filho e os personagens foram assumidos por Alessandra Negrini.

Taís e Paula (Alessandra Negrini) de Paraíso Tropical (Divulgação/TV Globo)

Marta (Lília Cabral) – Páginas da Vida (2006)

Em Páginas da Vida, trama das 21h de Manoel Carlos, o desejo do autor era que Renata Sorrah vivesse a vilã Marta, logo após ter interpretado a Nazaré de Senhora do Destino (2004). A estrela inesperadamente não quis viver personagens maléficos na sequência e Lília Cabral, assim, foi convidada para a produção.

Marta (Lília Cabral) de Páginas da Vida (Reprodução/TV Globo)

Zé Maria (Tony Ramos) – A Regra do Jogo (2015)

Inicialmente, José Mayer estava na mira do autor João Emanuel Carneiro para interpretar o vilão Zé Maria de A Regra do Jogo. O famoso não aceitou o convite porque queria se dedicar ao teatro e surpreendentemente Tony Ramos foi convocado para o papel.

Zé Maria (Tony Ramos) de A Regra do Jogo (Divulgação/TV Globo)

Carolina (Drica Moraes) – Verdades Secretas (2015)

A segunda novela das 23h escrita por Walcyr Carrasco teria Deborah Secco como a protagonista Carolina. Durante as gravações das primeiras cenas da atração, a famosa descobriu que estava grávida e teve que deixar o enredo. Drica Moraes, enfim, aceitou o convite e viveu a personagem.

Carolina (Drica Moraes) de Verdades Secretas (Reprodução/TV Globo)
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio