Nadja Pessoa detona casais do Power Couple Brasil: “Eles realmente me perseguiam”

Publicado há 2 anos
Por Gabriel Vaquer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Umas das queridinhas do público nas redes sociais pela capacidade de criar intrigas e situações dentro do Power Couple Brasil, da Record, Nadja Pessoa falou sobre assuntos polêmicos e não perdeu a oportunidade de alfinetar os colegas de confinamento.

Através de uma live na internet feita nas redes sociais, ela respondeu se achava que era perseguida pelos colegas de confinamento, como Letícia e Marlon, e ela confirmou que ainda tem esse sentimento.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja mais: Edição paranaense do Cidade Alerta alcança alta audiência para a Record

“Eu não estava com mania de perseguição, eles realmente me perseguiam. E não era só comigo e o Vinicius, eles também perseguiam Munik e Anderson, e Tati e Marcelo”, explicou a esposa do cantor D’Black.

Além disso, Nadja disse que não gostaria de ser outra pessoa, curtindo o seu temperamento, sendo um complemento perfeito para a tranquilidade do seu marido, que é mais calmo que ela.

“O meu temperamento fez bem para o jogo. É muito difícil estar rodeada de pessoas que estão batendo nas suas costas e por trás falando mal de você”, explicou.

Por fim, Nadja Pessoa disse que não se importa se foi fazer amizades ou não no programa, apesar de querer continuar com uma grande amizade: a de Munik Nunes e Anderson, com quem tinham uma grande afinidade.

Veja também 

A Lei e o Crime: com dificuldades de planejamento, Record abusa de reprises

Afiliada da Record comete gafe e anuncia reprise de Bela A Feia

“Estava ali para jogar. Mas sou muito partidária, quando gosto, eu defendo mesmo. Gosto de justiça, falsidade não dá”, concluiu.

Power Couple Brasil vai ao ar diariamente, depois do Jornal da Record.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais