“Nada comunica mais diretamente que a comédia”, diz Bruno Mazzeo, autor de Filhos da Pátria

Publicado há um ano
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Bruno Mazzeo anda em alta na telinha. Sucesso há quase cinco anos com a nova versão da Escolinha do Professor Raimundo, tanto no circuito fechado como aberto, ele agora experimenta um ‘plus’ desse êxito atual com a segunda temporada de Filhos da Pátria, que vem marcando bons índices de audiência para a Globo.

O processo criativo da série estrelada por Fernanda Torres e Alexandre Nero, segundo o autor, foi dos mais interessantes. “A gente começou pesquisando a época. Aí fomos percebendo como é parecido com hoje em dia, como a história do Brasil se repete. Isso, como humoristas, nos ajuda muito, mas por outro lado é assustador. Um povo que não conhece a sua história está fadado a repeti-la“, acredita. “A coisa que acho mais bonita na comédia é quando ela consegue participar do debate da sociedade. Nada comunica mais diretamente do que a comédia. Ela desarma o outro pelo riso.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Ter filtro na hora de escrever, aliás, não foi preocupação de Mazzeo e sua equipe. “É claro que tem sempre um bom senso, às vezes na redação a gente fala um horrores e percebe que não vai pegar muito bem… Mas tudo que a gente quis, que a gente acreditava, a gente colocou. Fomos muito ajudados pela realidade, infelizmente“, ironiza.

Vem mais por aí?

A atual temporada de Filhos da Pátria transportou para a década de 1930 os personagens que, no primeiro ano da série, o público viu aprontando todas em 1822. Em que época será que Mazzeo pretende inserir a família Bulhões na terceira parte do programa?

Eu não posso falar qual vai ser o período. Até porque, em primeiro lugar, ainda não foi falado sobre isso, se a empresa tem interesse… E eu sei que o ano que vem não vou ter tempo de escrever. Mas já tenho na cabeça onde gostaria que fosse a terceira temporada“, despista, sem dar mais detalhes.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio