MST faz protesto em frente a sede da Globo em Brasília; emissora preparou esquema de segurança

Publicado há 3 anos
Por Gabriel Vaquer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST) realizou um protesto nesta noite de sexta-feira (6) um protesto na porta da sede da Rede Globo em Brasília (DF).

A confirmação do movimento foi feita através de uma postagem no Facebook do movimento. Tal protesto já era esperado pelo canal, tudo por conta da expedição da prisão do ex-presidente Lula, realizada na noite desta quinta.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja mais: BA: Balanço Geral atinge novo recorde, chega a 28 pontos e vence Globo

Por conta do fato, seguranças da Globo em Brasília preparam, de forma rápida, um esquema especial de segurança, para que nenhum patrimônio da Globo em Brasília não fosse depredado.

Segundo o MST, cerca de 5 mil pessoas participaram da movimentação. O protesto, no fim das contas, começou e acabou de forma pacífica, tendo apenas gritos de ordem como “Globo Golpista”.

Em toda esta sexta-feira, o MST bloqueou trechos de rodovias federais em diversos Estados. No total, foram mais de 50 bloqueios ativos, em pelo menos 16 Estados, segundo informações do próprio movimento.

Veja também 

Para evitar indireta à Lula, Globo muda filme escalado para Tela Quente nesta segunda

Conversa com Bial ganha reprise semanal nos fins de semana da Globo News

“Estamos em resistência contra a prisão do presidente Lula. A deliberação política das frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo é essa. Não vamos deixar Lula se entregar, seja na cidade de São Paulo ou em Curitiba”, disse João Paulo Rodrigues, integrante da direção nacional do MST.

Durante todo o dia, órgãos de imprensa sofreram represálias dos manifestantes pró-Lula. Em Salvador, por exemplo, a equipe da Band foi retirada dos protestos com violência.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio