Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Novela bíblica

Miguel Coelho expõe dificuldade em gravar luta de Jacó com Deus em Gênesis: “Fiz a cena com febre”

Ator sentiu reação da vacina contra a covid-19

Publicado em 25/08/2021
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

A famosa cena da luta de Jacó com Deus agitou os últimos capítulos de Gênesis. Muitas pessoas ficaram emocionadas com a troca entre Miguel Coelho e Dudu Azevedo.

A sequência marca a mudança de nome do filho de Isaque (Henrique Pagnoncelli), que passa a ser chamado de Israel. Depois, ele é abençoado pelo Criador e recompensado por Ele.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

A importância da cena foi primordial para a fase Jacó, mas o intérprete do personagem revela que não estava cem por cento. Miguel revelou que as gravações foram realizadas após ele tomar a vacina contra a covid-19, por isso sentiu fortes reações.

“Eu tomei a vacina um dia antes. Me deu reação, não dormi à noite. Tive febre. Fiz a cena com febre. A Record deu todo o apoio, me davam água, perguntavam se queria ir embora… [Eu falava] ‘Não, quero gravar’. Foi uma cena difícil fisicamente, era uma luta, né…”, contou em um papo no canal de Michelle Batista, a Lia.

Já no ensaio ele teve um problema. “Me botam pra fazer a luta com o Dudu Azevedo, que é um cara fraco, leve…”, brincou. “No ensaio eu tirei o ombro do lugar… Foi uma cena muito difícil de fazer…”, destacou.

No capítulo de terça (24), Miguel se despediu de Gênesis. Agora, Jacó/Israel será vivido por Petrônio Gontijo, mudança que marca o início da última fase da trama bíblica, José do Egito.

Assista à luta de Jacó com Deus:

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....