Mesmo com demissão vetada por Emílio Surita, Amanda Ramalho descarta voltar ao Pânico

Publicado há 2 anos
Por Fabio Augusto
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Após uma grave confusão com o cantor Biel, Amanda Ramalho pediu demissão do Pânico na rádio. A decisão, porém, foi vetada por Emílio Surita, um dos líderes da atração.

De acordo com o Notícias da TV, o comunicador não aceitou a dispensa de Amanda e a autorizou ficar de licença do programa pelo tempo que achar necessário para cuidar de uma depressão.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Segundo fontes da Jovem Pan, o setor de Recursos Humanos da rádio não recebeu nenhuma declaração formal de Amanda e ela permanece contratada.

Por outro lado, a radialista descarta voltar ao programa de rádio. Em seu Twitter, disse que não há mais clima para voltar à atração.

“Peço publicamente que a produtora do Pânico não dê entrevistas falando que eu tenho ou não depressão. Isso é um assunto meu. E vocês viram que Emílio não me demitiu porque o desrespeitei como vocês estavam afirmando”, postou, se justificando.

“Faz mais nenhum sentido pra mim trabalhar lá. Eu já havia decido isso antes para o ano que vem. Isso só fez antecipar minha decisão. Agora acho ta bom de declaração. Amo quem me ama. Suporto quem me odeia. Calar-me-ei”, completou Amanda.

Amanda vai investir em novos projetos

Na tarde desta quinta (25), Amanda deu uma entrevista ao UOL dizendo que pretende focar em novos planos na carreira.

A partir do ano que vem, ela vai investir na segunda temporada de seu podcast, Esquizofrenóias, e também na produção de um documentário, ambos voltados à saúde mental.

Assim sendo, Amanda deixa definitivamente a bancada do Pânico, assim como aconteceu ultimamente com Marcos Chiesa (Bola) e Márvio Lúcio (Carioca).

Leia mais: Neto detona ex-integrantes do Pânico que foram para a Globo: “Babacas”

Entenda o caso

Na última terça (23), Amanda Ramalho anunciou que pediu demissão do Pânico após uma séria discussão com Biel, convidado da atração.

Na ocasião, o cantor reclamou que ela havia desejado sua morte quando ele deixou o Brasil para viver nos Estados Unidos.

Em meio a provocações, Biel se levantou e deixou o programa, para o desespero de Paulinha Krausche, produtora da atração.

Leia mais: Após confusão com Biel, Amanda Ramalho pede demissão do Pânico

Amanda chegou a levar uma bronca de Paulinha e discutir com Emílio. O programa foi para os comerciais e, em seguida, finalizado.

Pouco tempo depois, Amanda postou que estava se demitindo. Todavia, depois a decisão acabou sendo vetada por Emílio.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio