Maria Eduarda de Carvalho comenta gravações finais de Éramos Seis: “Apesar do medo, estávamos unidos”

Publicado há 6 meses
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta terça-feira (17), o elenco de Éramos Seis gravou as últimas cenas da trama das 18h de Ângela Chaves. Maria Eduarda de Carvalho, que vive a Olga, disse que o clima era diferente por causa da pandemia do coronavírus.

“Apesar do medo, estávamos todos unidos em nome de finalizar um trabalho que transbordou delicadeza e espalhou amor em um momento de tanta dureza e desafeto”, declarou a famosa em entrevista à colunista Patrícia Kogut.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A estrela lamentou o fato de não poder abraçar os colegas. “Mas fica a esperança de que este horroroso episódio real de Black Mirror se encerre logo e a gente possa se reencontrar, se abraçar forte e celebrar como merecemos este trabalho tão importante na vida de todos nós”, concluiu Maria.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais