Marcílio Moraes deixa a Record TV e fala sobre os últimos anos: “Frustrantes”

Publicado há 2 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Responsável por ter escrito séries e novelas na Record TV, como Vidas Opostas (2006), A Lei e o Crime (2009) e Ribeirão do Tempo (2010), Marcílio Moraes terá o seu contrato com o canal encerrado no fim deste mês e não haverá renovação.

“Não fui procurado pela direção da emissora para conversar sobre isso e, devo dizer, também não os procurei com este fim”, declarou o profissional ao Notícias da TV. O autor esteve durante quase 15 anos na empresa, sendo que nos últimos cinco permaneceu na geladeira.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Os primeiros
nove anos na Record foram excelentes. Tive oportunidade e liberdade para
escrever novelas e séries de sucesso e relevantes para a dramaturgia
televisiva. Os últimos cinco anos foram frustrantes para mim. Nada emplaquei, a
não ser reprises”, lamentou o famoso.

O novelista de 75
anos deixou claro que não pretende se aposentar. “Meu plano para o futuro é
continuar a escrever. Tenho inúmeros projetos para a televisão, certamente os
melhores da minha vida, pela experiência que adquiri. Sou um cara antenado com
o mundo, nenhuma defasagem com a atualidade”, garantiu.

“Agora, se ninguém
quiser produzir as minhas ideias, tudo bem. Vou me dedicar exclusivamente à
literatura, que é meu projeto original e que me dá enorme prazer. Estou
escrevendo um novo romance, que espero lançar no ano que vem”, concluiu Moraes.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio