NOTA PESSOAL

Manoel Soares promete acionar Justiça para combater boatos sobre sua saída da Globo: “Indignado”

Apresentador negou os rumores que circulam na web

Publicado em 04/07/2023

Após ser demitido da Globo, Manoel Sorares usou seu perfil no Instagram para se defender das especulações que o levaram a perder seu cargo na emissora. O ex-apresentador do Encontro, que teria sido alvo de diversas reclamações no compliance da emissora, negou que tenha cometido qualquer tipo de assédio por trás das câmeras.

“Com a minha saída da Rede Globo, muitas notícias falsas especulando o motivo vieram a público. É lamentável que alguns usem ferramentas importantes do jornalismo para sustentar absurdos envolvendo meu nome”, iniciou o apresentador nos Stories.

“Peço a quem acompanha meu trabalho que não aceite essas provocações, não dê engajamentos para essas mentiras, pois essas notícias falsas vivem disso. Eu não sou o primeiro nem o último homem com minhas origens que vai ser alvo de ataques dessa forma. Há séculos usam a estratégia de alegar comportamento abusivo para desqualificar homens negros”, continuou.

De acordo com Manoel, sua saída ocorreu em comum acordo com a Globo. “Já vi isso muitas vezes, e meu compromisso de vida é combater o racismo, a desigualdade e injustiças. Minha saída em comum acordo reflete nossa trajetória de profissionalismo e especulações. Reafirmo minha gratidão ao grupo. Estou tranquilo sobre a verdade”, garantiu.

Por fim, ele contou que planeja entrar na justiça contra os boatos. “Estou indignado com esse tipo de covardia, mas tranquilo sobre a verdade das minhas ações e conduta. Mentiras como essas não se sustentam, por isso serão combatidas no campo jurídico”, encerrou. Veja a nota publicada:

© 2024 Observatório da TV | Powered by Grupo Observatório
Site parceiro UOL
Publicidade