Recomeço

Maestro João Carlos Martins fala sobre sua carreira: “O contrário da vida não é a morte, é a repetição”

Por várias vezes, maestro quase desistiu da carreira

Publicado em 19/12/2019

Nesta quinta-feira (19), no programa Sensacional, exibido pela RedeTV!, a apresentadora Daniela Albuquerque entrevistará o maestro e pianista João Carlos Martins, que falará sobre os principais desafios em sua carreira, que iniciou aos 8 anos de idade. Embora ele fosse muito dedicado aos estudos, a carreira do maestro foi marcada por percalços.

Aos 27 anos, Martins lesionou um nervo do braço direito durante uma partida de futebol, dificultando seus movimentos. Pensando que não conseguiria tocar mais, ele relata que tentou tirar a própria vida, mas desistiu após ter recebido uma ligação de seu professor de piano, contando que existia um repertório fantástico para ser tocado com a mão esquerda.

“Eu vou é para a luta!”, disse ele, sobre o que refletiu naquele momento. “E nunca mais uma ideia como essa passou pela minha cabeça”, concluiu o maestro. Anos depois a mão esquerda foi comprometida depois de um assalto na Bulgária, que o deixou com uma sequela cerebral, a saber.

“O contrário da vida não é a morte, é a repetição. É você não se reinventar, é você não procurar uma trajetória da esperança na sua vida. É isso que eu procuro fazer!”, declarou o músico, que ressaltou a capacidade humana de se adaptar aos diferentes momentos da vida.

Herança paterna

Ainda durante a entrevista, João Carlos Martins contará que o gosto pelo piano sempre esteve presente na família, já que seu pai era fascinado pelo instrumento e, na juventude, quando decidiu aprender a tocá-lo, sofreu um acidente que o impediu de avançar com o que tanto desejava.

Três dias antes da primeira aula, ao colocar a mão na prensa, na gráfica em que trabalhava, a prensa decepou parte da mão. O sonho dele morreu ali”, relembrou o paulistano, que 40 anos depois iniciou seus estudos. A entrevista completa irá ao ar no Sensacional a partir das 22h45.