Mãe de Isabel em Espelho da Vida, Patricya Travassos fala sobre a vilã: “É uma cobra”

Publicado há 2 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No ar como a Grace e Graça de Espelho da Vida, trama das 18h de Elizabeth Jhin, Patricya Travassos falou sobre o enredo, que tem o espiritismo como temática e que conta uma história com personagens no passado e no presente.

“É uma explicação bacana a gente achar que as coisas começaram em outras vidas e a gente vem trazendo esses problemas, até que a gente toma consciência disso e conserta”, analisou a estrela, que surpreendentemente assumiu não ser espírita.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Leia também: Espelho da Vida: Isabel alega inocência ao ser procurada pela polícia, mas prova a incrimina

“Mas eu acho uma explicação tão legal. Eu gostaria que fosse verdade”, analisou a estrela, que falou sobre Alinne Moraes, que vive a vilã Isabel. “A personagem dela é uma cobra. Venenosa. Fala horrores para a mãe, não sei como ela aguenta”, disse, enfim, a atriz.

Leia também: Espelho da Vida: Saiba como será o primeiro encontro entre Alain e Daniel

Longe da TV Globo há 13 anos, a famosa falou ainda como foi o retorno. “Deu uma sensação de familiaridade total, de reencontrar pessoas que ficaram 13 anos lá trabalhando. Deu uma sensação de voltar para casa, muito bom”, concluiu Travassos.

João Vicente de Castro fala sobre a relação com Clara Galinari nos bastidores de Espelho da Vida: “Viramos pai e filha mesmo”

A saber, nos próximos capítulos de Espelho da Vida, Alain (João Vicente de Castro) viajará com Isabel (Alinne Moraes) e Priscila (Clara Galinari) e conseguirá ficar cada vez mais próximo da filha, que no começo o renegava por considerar Felipe (Patrick Sampaio) o seu pai.

“Priscila é a grande redenção do Alain. É através da relação de pai e filha que ele se se reconecta com o que sente, que descobre que tem coração”, declarou João ao jornal Extra. Todavia, o astro revelou ainda que a ficção ultrapassou as barreiras.

“Senti que ultrapassamos a fronteira da realidade para o lúdico e começamos a ter uma relação estreia, viramos pai e filha mesmo aqui dentro. Sempre que a Clara grava, ficamos grudados”, contou o astro, entregando o sonho da paternidade.

“Sempre tive vontade de ser pai e é a primeira vez que tenho filho e que exerço a função de pai, mesmo que no campo da fantasia. Nem imagino como vai ser difícil para mim quando acabar o Alain e a Priscila”, concluiu, enfim, Castro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais