Lívia Andrade se revolta com caso de assédio: “Esse cara não devia nem ter saído da delegacia”

Publicado há 7 meses
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta quarta-feira (19), o Fofocalizando falou sobre o caso do motorista de aplicativo que assediou uma adolescente. A jovem filmou o momento e na delegacia, o acusado declarou que a passageira usava um short “do tipo Anitta”.

Revoltada com o crime, Lívia Andrade se manifestou. “Não sei se esse cidadão sabe, aqui no Brasil a mulherada não anda de burca. Poucas usam. Então quer dizer que para entrar no seu carro, a mulher tem que estar de burca, porque se não tiver você vai assediar?”, indagou a apresentadora.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Então quer dizer que você é um cara que não pode ver uma parte do corpo, uma pele aparecendo, que você se acha no direito de ir lá assediar? É isso mesmo? Que absurdo, esse cara não devia nem ter saído da delegacia depois de uma declaração dessas”, apontou a famosa.

Depois de ouvir Mara Maravilha, Gabriel Cartolano e Mara Maravilha, Lívia chamou o comercial e disse que era bom ter o intervalo porque ficava tão indignada com o caso que poderia falar algo que acabaria lhe rendendo um processo.

Assista:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais