Lima Duarte desistiu de fazer O Clone após atentado de 11 de Setembro: “Decidi que não faria”

O veterano com 70 anos de carreira disse que precisou ser tranquilizado por diretores

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Lima Duarte, hoje com 91 anos, concedeu uma entrevista inédita ao jornal Extra e contou algumas curiosidades dessa nova fase de sua vida, em que tornou-se um “contador de histórias” na internet. No bate papo, o veterano com 70 anos de atuação, revelou que recusou um papel na novela O Clone (Globo/2001) por medo do atentado de 11 de setembro.

Onde você estava quando o mundo acabou de novo? Eu estava no Rio, em um hotel, porque tinha uma reunião para fazer a novela O Clone. Quando vi a cena do atentado, as Torres Gêmeas caindo, fumaça por todos os lados, fiquei espantado.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Decidi que não faria a novela. Tive medo de os terroristas me pegarem. Os diretores tentaram me tranquilizar, porque era uma novela romântica. Foi bobagem minha, a novela foi um sucesso. Mas não fiz”, disse ele sobre a trama de Glória Perez, que viria a estrear pouco menos de um mês depois dos atentados.

Romances

Em O Salvador da Pátria, Lima confessou ter vivo um romance com a atriz Maitê Proença, no entanto, a informação é negada por ela. Duarte, por sua vez, cita o carinho que tem pela colega. “Maitê deve ter amado o Sassá Mutema. Nós brincamos, nos divertimos, mas nunca mais a vi. A vida nos levou para outros cantos, mas torço sempre para ela ser feliz”, diz.

O ator, que se casou três vezes, fala sobre paqueras. “Sempre falava para as meninas terem cuidado comigo porque sou de Áries com ascendente em Escorpião, mas não entendo de Astrologia (risos). Acho que nunca nenhuma mulher me amou. Eu não me amo. Amo meus personagens”.

Ator imunizado

Após tomar as duas doses da vacina contra a covid-19, Lima Duarte está pronto para retornas às telinhas. Aos 90 anos, o ator afirmou, em entrevista à Veja, que pretende retornar ao trabalho no próximo mês.

Tomei as duas doses da vacina e vou fazer Aruanas. A Globo já avisou que em abril vou gravar em Cubatão (SP). Quero continuar trabalhando”, disse.

Durante a conversa, o ator contou como tem aproveitado a quarentena. “Eu tenho vivido muito na memória, lembrando da minha jornada na Globo, minha infância, minha mãe, lembranças e lembranças. Com quase 91 anos, minha vida já está acabando. A memória vai persistir”, avaliou.

O ator também explicou como faz para manter seus perfis ativos nas redes sociais. “Não entendo nada disso. Meus filhos e netos que acharam que eu tenho muita história para contar e fizeram isso. Eles que gravam e postam, que apertam os botões”, contou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio