Juninho Pernambucano é desligado da Globo; veja o que a emissora disse sobre o comentarista

Publicado há 3 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Depois de protagonizar um episódio polêmico, Juninho Pernambucano deixou o cargo de comentarista dos canais do Grupo Globo. Segundo a empresa, ele pediu seu desligamento por acreditar que não haveria clima depois de uma situação constrangedora, ocorrida na semana passada, quando ele criticou os repórteres que cobrem o dia a dia dos clubes de futebol.

“Os setoristas são muito piores hoje em dia. Eu sei que eles ganham mal, mas cada um tem o caráter que tem. Se eu sou setorista, o que eu ia fazer, tentar fazer um ótimo trabalho para tentar ir para outra etapa, subir. Parte da imprensa também tem culpa na violência, porque há um excesso de pilha. Já vi isso também de olhar para você, um jogador que é profissional, não tem formação e ganha R$ 100 mil. Tem um cara que está ali, estudou quatro anos, fez de tudo para se formar jornalista, para ser setorista e ganha mal. Talvez ele leva isso em consideração. É difícil você ganhar R$ 3 mil ou R$ 4 mil em uma sociedade e se você não for um cara fera, tem que entrevistar um cara que ganha mais e que você considera ele um ninguém”, afirmou ele no programa Seleção, do Sportv.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Globo prepara novelão das 21h com escritora da minissérie Justiça

A direção do canal decidiu agir e ordenou que o apresentador André Rizek lesse uma nota contrariando a fala de Pernambucano. “Há bons e maus profissionais em todas as categorias. Temos mais de 30 setoristas trabalhando hoje no Grupo Globo e eles recebem aqui nossa confiança e solidariedade. Muitas vezes são eles que mais sofre com o desequilíbrio e a eventual violência dos torcedores. Isso não quer dizer que o Juninho não tenha o direito à sua opinião, que é e continuará sendo livre. Mas é importante fazer esse registro”. Veja mais aqui.

Assista ao vídeo.

Agora, de acordo com o colunista Flávio Ricco, o Grupo Globo emitiu um comunicado.

“Na última sexta-feira, dia 4, Juninho Pernambucano solicitou a rescisão de seu contrato de trabalho com o Grupo Globo. Ele se afastará de suas funções como comentarista da Globo e do SporTV para tratar de assuntos pessoais. A Globo aceitou o pedido e agradece a Juninho Pernambucano a importante contribuição na análise dos eventos esportivos que acompanhou como comentarista. Roger Flores substituirá Juninho Pernambucano na equipe do Esporte da Globo que cobrirá a Copa do Mundo da Rússia”, diz a nota.

Segundo o site UOL Esporte, afirmou que conversou com cinco profissionais da Globo, que, inclusive, mencionaram um clima interno de insatisfação depois das polêmicas declarações do ex-jogador. Em viagem aos Estados Unidos, Pernambucano ainda não conversou com a imprensa sobre fato.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio