Júlio pretende colocar desafeto de Lola dentro de casa

Publicado há um ano
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Júlio (Antonio Calloni) está disposto a conseguir o empréstimo para entrar como sócio da loja de tecidos, em Éramos Seis. Mas não está fácil, já que seu pedido foi recusado no banco e ele brigou com um agiota, que queria lhe cobrar juros abusivos. Sem saída, ele decide recorrer a um desafeto de Lola (Gloria Pires): sua mãe.

A sogra da protagonista deve ter algum dinheiro guardado, acredita Júlio: “Pensei aqui comigo, quando todos os recursos se esgotam, a quem devemos recorrer? À família, família é tudo. Vou deixar meu orgulho de lado, vou escrever pra minha mãe”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

De primeira, Lola não gosta da ideia: “Sua mãe, Júlio? Como ela pode ajudar? Dona Marlene é tão reservada, vive com dinheiro contado”. Júlio lembra que ela vendeu um armazém, quando ficou viúva: “Deve ter algum guardado, algum ela tem”.

“Sempre se orgulhou de nunca incomodar sua mãe, de nunca precisar pedir nada”, avalia Lola, incomodada, e a situação piora: “Mas agora é diferente. Explico a situação, ela há de me emprestar se ficar aqui uns dias”. “A sua mãe… aqui?”, indaga ela. “Lola, é minha única saída”, responde Júlio, deixando-a preocupada.

As cenas estão previstas para irem ao ar no capítulo 17, que será exibido na sexta-feira (18).

Mais Informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos da novela Éramos Seis

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV Globo, SBT, Record TV e Band.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio