Juliano Laham comemora trabalho em Orgulho e Paixão e elogia Malvino Salvador: “Muito generoso”

Publicado há 3 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Responsável por viver o Luccino de Orgulho e Paixão, Juliano Laham declarou estar animado com o trabalho na trama das 18h de Marcos Bernstein. “Estou muito feliz com essa oportunidade de mostrar um outro lado do meu trabalho e por poder fazer uma novela de época. Acho interessante contar histórias não contemporâneas”, falou o famoso à Patrícia Kogut.

Orgulho e Paixão: Barão dá emprego para Ernesto depois de ele ‘salvar sua vida’

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Como a produção é inspirada nos livros escritos por Jane Austen, o ator disse ter lido algumas obras da escritora inglesa. “Descobri um universo muito bacana. As histórias são leves, mas com uma dramaturgia rica. Tem amor, comédia, aventuras etc. Um pouco de tudo, com um naturalismo grande. Me encantei”, afirmou o astro.

Orgulho e Paixão: Camilo e Darcy procuram por Elisabeta e Jane

O artista aproveitou também para elogiar Malvino Salvador, que no enredo vive o Coronel Brandão, que tem Luccino como braço direito. “Eu já admirava o trabalho dele antes. Agora, trabalhando junto, admiro ainda mais. Ele é um cara muito generoso, me ajuda e enriquece nossas cenas. Aprendo bastante e brinco com ele dizendo: ‘Cada cena que eu faço com você equivalem a três’”, concluiu Laham.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio