Jornalista Rodrigo Constantino é demitido da Record News

Emissora diz que ele não compactuou com seu princípio de não aceitar nenhum tipo de agressão

Publicado há 2 meses
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Grupo Record informou, nesta quinta-feira (5), que o jornalista Rodrigo Constantino foi demitido e não mais faz parte, portanto, da Record News e do portal de conteúdo da empresa, o R7. A emissora tomou a decisão depois dele se posicionar publicamente sobre a violência contra a mulher.

“A decisão foi tomada em virtude das posições que o profissional assumiu publicamente sobre violência contra a mulher, em canais que não têm nenhuma vinculação com nossas plataformas”, diz a Record, em comunicado à imprensa.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

E continuou: “O jornalismo dos veículos do Grupo Record tem acompanhado com muita atenção o caso de Mariana Ferrer e o Grupo não poderia, neste momento, deixar qualquer dúvida de que justiça não se faz responsabilizando ou acusando aqueles que foram vítimas de um crime”.

A nota termina valorizando o respeito à pluralidade: “Apesar de ter garantias de liberdade editorial e de opinião, julgamos que o posicionamento adotado por Constantino não compactuou com o nosso princípio de não aceitar nenhum tipo de agressão, violência, abuso, discriminação por questões de gênero, raça, religião ou condição econômica”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio