Jornalista faz comentário racista em transmissão olímpica e é demitido

O profissional criticou um coreano durante um jogo de tênis de mesa

Publicado em 29/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No meio de momentos históricos, emocionantes e marcantes nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, também aconteceram alguns momentos tristes e que devem ser extremamente repudiados.

Durante um jogo de tênis de mesa, o jornalista grego Dimosthenis Karmiris, do canal ERT, fez comentários racistas durante a transmissão da competição e acabou sendo demitido da emissora após a polêmica dar o que falar. A partida estava sendo disputada entre o sul-coreano Jeoung Young-sik e o grego Panagiotis Gionis.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Coreanos não jogam tênis de mesa. Os olhos deles são estreitos, então não consigo entender como eles podem ver a bola se movendo para lá e para cá”, disse o jornalista, questionando a habilidade do jogador asiático por uma característica física. Porém, a situação logo viralizou e foi alvo de muitas críticas nas redes.

“Comentários racistas não têm lugar na televisão pública. A colaboração entre a ERT e Dimosthenis Karmiris foi encerrada hoje, imediatamente após o programa matinal”, informou o canal em um comunicado, surpreendendo os telespectadores. A partida de tênis também acabou com o coreano ganhando.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio