Jogo da França na Copa do Mundo Feminina faz Band atingir 7 pontos e chegar ao terceiro lugar

Publicado há um ano
Por Gabriel Vaquer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Copa do Mundo Feminina de futebol está rendendo bons números para as emissoras que transmitem as partidas. Além do SporTV e da Globo, a Band está comemorando os números de algumas partidas. Nesta segunda-feira (17), o jogo entre Nigéria x França deu o melhor número do torneio na tela da emissora do Morumbi.

Segundo dados obtidos com exclusividade pelo Observatório da Televisão, a partida que terminou em 1 a 0 para as francesas chegou a ficar em terceiro lugar por 25 minutos não consecutivos. Foram 4,4 pontos de média com picos de 7 e share de 8,4%. Ou seja, de cada 100 televisores, 8 estavam ligados na Band.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A partida foi transmitida entre 16h e 17h55 e teve narração de Ulisses Costa. Os comentários foram de Aline Calandrini e Denílson. A apresentação foi de Paloma Tocci. A emissora seguirá transmitindo outros jogos do torneio com exclusividade na TV aberta. Nessa mídia, a Globo só exibe as partidas da Seleção Brasileira no Mundial. Os outros jogos ficam restritos ao SporTV.

Derrota do Brasil na Copa do Mundo Feminina vai bem no SporTV

Contudo, não é apenas a Band que está colhendo os frutos da Copa do Mundo Feminina de futebol. Com a derrota do Brasil contra a Austrália, por 3 a 2, na última quinta-feira (13), o SporTV conseguiu bons resultados.

Todavia, a transmissão da partida feita por Gustavo Villani, Nadja Mauad, Raphael Rezende e Milene Domingues marcou média de 0,96 ponto de audiência nas Grande São Paulo. O resultado deu a liderança tranquila entre os canais esportivos da TV paga para o SporTV.

Entretanto, o que impressionou foi a participação no número de ligados entre as emissoras esportivas. Foram 81% de share. Ou seja, entre 100 televisores ligados em canais pagos esportivos na TV por assinatura, 81 estavam ligados nas meninas do Brasil na Copa do Mundo Feminina.

Os dados refletem a preferência de um seleto grupo de telespectadores na Grande São Paulo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais